BLOG DE NOTÍCIAS DO MOVIMENTO ESPÍRITA.....ARAÇATUBA- SP

Atenção

"AS AFIRMAÇÕES, INFORMAÇÕES E PARECERES PUBLICADOS NESTE BLOG SÃO DE RESPONSABILIDADE EXCLUSIVA DE QUEM OS ELABOROU, ASSINA E OS REMETEU PARA PUBLICAÇÃO. FICA A CRITÉRIO DO RESPONSAVEL PELO BLOG A PUBLICAÇÃO OU NÃO DAS MATÉRIAS, COMENTÁRIOS OU INFORMAÇÕES ENCAMINHADOS."

terça-feira, 18 de junho de 2019

NOTICIAS DO MOVIMENTO ESPÍRITA. 19-06-2019.

CLICAR AQUI:
http://www.noticiasespiritas.com.br/2019/JUNHO/19-06-2019.htm

Retrato de Hippolyte Fortoul.

Hippolyte Nicolas Honoré Fortoul nasceu em 4 de agosto de 1811 em Digne , Alpes-de-Haute-Provence, filho de um advogado que iniciou uma carreira na prefeitura em 1831. Frequentou a escola secundária em Digne e depois em Lyon . Entre 1829 e 1837 ele foi jornalista em Paris. Ele viajou pela Bélgica, Alemanha, Suíça, Itália e Inglaterra entre 1834 e 1837. Em 1837 ele decidiu que não havia futuro no jornalismo e decidiu entrar no mundo acadêmico. [1]
Em 1838 ele publicou uma história do século 16 e um romance autobiográfico. Em 1840 ele viajou no sul da Alemanha e no norte da Itália. Ele ganhou um doutorado em 1841 com uma tese sobre Aristóteles escrita em latim. Em 1841, Fortoul foi nomeado professor de literatura na Universidade de Toulouse. Ele se casou naquele ano. Ele publicou um trabalho de dois volumes sobre a arte alemã em 1841-42. Em 1845 foi nomeado professor de literatura francesa e decano da faculdade de letras em Aix-en-Provence . [1]
Leia mais:

Livro “La peinture” de Hippolyte Fortoul. Edição em francês.
Medalhão de Hippolyte Fortoul.
Hippolyte Fortoul (1811–1856), francês-homem-das-letras e político. Artista David d´Angers.
Imagem/fonte:
“La Grande Fontaine”. Digne-les-bains. Óleo sobre tela de Étienne Martin.


Em Digne-les-bains nasceu Hippolyte Fortoul.

Retrato em óleo sobre tela de de Pierre Corneille.

Pierre Corneille ( Rouen , 6 de xunu de 1606 - Paris , 1 de outubro de 1684 ) foi um dramaturgo francês , considerado um dos melhores do século XVII , com Molière e Racine . A riqueza e diversidade do trabalho refletem os valores e as grandes questões do assunto.
Leia mais:
https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/8/81/Cinna_corneille_image.jpg
Cinna ou la Clémence d'Auguste.   Cinna ou a Clemência de Augusto.
Obra de Pierre Corneille.


Cinna ou a Clémence d’Auguste (Inglês: Cinna ou a clemência de César Augusto ) é uma tragédia por Pierre Corneille escrito para oThéâtre du Marais , em 1641 , e publicado dois anos mais tarde. Tem lugar na Roma antiga, mas as idéias e temas caracterizam a idade de Luís XIV , mais notavelmente o estabelecimento do poder real sobre a nobreza. Uma produção foi lançada em Bayonne em 1660, pouco antes de o rei chegar para o seu casamento com a Infanta.
Corneille aborda a questão da clemência e defende o fim da espiral da vingança. Sua resposta é apologética em relação ao poder absoluto. Como em muitas de suas peças, a heroína é conhecida por seu tom alto. [1]
Leia mais:
http://www.noticiasespiritas.com.br/2018/JUNHO/25-06-2018_arquivos/image041.jpg
Moeda romana com esfinge do imperador César Augusto.
Museu Nacional de Arte Romano, Mérida, Espanha. Foto Ismael Gobbo
http://www.noticiasespiritas.com.br/2018/OUTUBRO/01-10-2018_arquivos/image013.jpg
Medalhão em bronze de 15,2 cm de diâmetro  retratando Lamennais.
 Por David d`Angers (criador Richard Frères). Imagem/fonte:


Lamennais:
Hughes Félicité Robert de Lamennais, foi um filósofo e escritor político francês. Wikipédia
Nascimento: 19 de junho de 1782, Saint-Malo, França
Falecimento: 27 de fevereiro de 1854, Paris, França


.........................
.......................
...............
Papa Gregório XVI desautorizou as opiniões de Lamennais na Encíclica "Mirari vos", em Agosto de 1831. Não houve uma citação específica a ele e nem a seu jornal, mas tão somente uma censura implícita a ambos. Inicialmente, Lamennais suspendeu a distribuição do jornal, submetendo-se; mais tarde deixou a Igreja e defendeu a própria posição na obra "Paroles d'un croyant" (Palavras de um crente), condenada explícitamente na Encíclica "Singulari nos", em Julho de 1834, sendo citados tanto o autor quanto a obra.
Incansável, ele se devotou à causa do povo, colocando sua pena a serviço do Republicanismo e do Socialismo. Escreveu obras como "O Livro do Povo" (1838), "Os afazeres de Roma" e "Esboço de uma Filosofia". Chegou a ser condenado à prisão mas, já em 1848 foi eleito para a Assembleia Nacional, aposentando-se em 1851.
Por ocasião de sua morte, não desejando se reconciliar com a Igreja, foi sepultado em uma cova de indigente.
Leia mais:

http://www.noticiasespiritas.com.br/2017/FEVEREIRO/25-02-2017_arquivos/image007.jpg
Aquarela de James Tissot ilustrando o episódio bíblico da Tentação de Jesus no deserto.
Imagem/fonte: 
DSC04275
O chamado Monte da Tentação em Jericó, Palestina. Foto Ismael  Gobbo
JESUSOSTIAANTICAROMA
Mosaico com a representação de Jesus no museu  de Óstia Antica (Roma) Itália
Provavelmente a mais antiga imagem conhecida do Cristo. Final do século IV.  Imagem arquivo Ismael Gobbo
A Família do Artista de Juan Bautista Matinez del Mazo


segunda-feira, 17 de junho de 2019

NOTICIAS DO MOVIMENTO ESPIRITA. 18-06-2019.

CLICAR AQUI:
http://www.noticiasespiritas.com.br/2019/JUNHO/18-06-2019.htm

Velha rezando. Óleo sobre tela de Theophile Marie François Lybaert
Circe invejosa. Óleo sobre tela de John William Waterhouse.




Inveja ou invídia[1][2], é um sentimento de angústia, ou mesmo raiva, perante o que o outro tem e a própria pessoa não tem. Este sentimento gera o desejo de ter exatamente o que a outra pessoa tem (pode ser tanto coisas materiais como qualidades inerentes ao ser).
A inveja pode ser definida como o sentimento de frustração e rancor gerado perante uma vontade não realizada de possuir os atributos ou qualidades de um outro ser, pois aquele que deseja tais virtudes é incapaz de alcançá-la, seja pela incompetência e limitação física, seja pela intelectual. Além disso, pode ser considerada um sintoma em certos transtornos de personalidade, como no Transtorno de Personalidade Borderline, no Transtorno de Personalidade Passivo-Agressiva e no Transtorno de Personalidade Narcisista.[3]
A inveja é um dos sete pecados capitais na tradição católica (CIC, número 1866).
Inveja. Afresco de Giotto di Bondone.
Imagem/fonte:
http://www.noticiasespiritas.com.br/2018/JULHO/14-07-2018_arquivos/image013.jpg
Prece do Pai Nosso. Aquarela por James Tissot.
Imagem/fonte:
Jesus orando no Getsêmani. Óleo de Heinrich Hofmann.
A cura da sogra de Pedro. Óleo sobre tela por John Bridges
Imagem/fonte: 
São Pedro arrependido. Óleo sobre tela de Francisco Goya.
Ruínas arqueológicas divulgadas como sendo da casa do apóstolo Pedro. Cafarnaum, Galiléia, Israel. Foto Ismael Gobbo.
Mar da Galiléia em Cafarnaum, Israel. Na foto: Cidinha (E), Neuzinha (D). Foto Ismael Gobbo.
Mar da Galiléia em Cafarnaum,  Israel. Na foto, de frente, Neuzinha (E), Cidinha (D). Foto Ismael Gobbo.
Mar da Galiéia em Cafarnaum,  Israel. Foto Ismael Gobbo.
Estátua do apóstolo Pedro na entrada da vila de Cafarnaum, às margens do Mar da Galiléia, Israel Fotos Ismael Gobbo
http://www.noticiasespiritas.com.br/2019/JANEIRO/04-01-2019_arquivos/image050.jpg
Chegada de Cidinha ao sítio arqueológico de Cafarnaum. Galiléia, Israel. Foto Ismael Gobbo
O sedutor de Merlin. Pintura de Edward Burne-Jones.
Cemitério em Hitchin, Reino Unido. Foto Ismael Gobbo.
Jesus envolve os apóstolos em  momento de descanso. Aquarela de James Tissot
Imagem/fonte: 
Jesus falando com Nicodemos. Obra de William Brassey

No diálogo de Jesus com Nicodemos falou o Mestre: "Ninguém pode ver o reino de Deus, se não nascer de novo." (João, 3: 1-16)-

domingo, 16 de junho de 2019

NOTÍCIAS DO MOVIMENTO ESPÍRITA. 17-06-2019.

CLICAR AQUI:
http://www.noticiasespiritas.com.br/2019/JUNHO/17-06-2019.htm

Parábola do tesouro escondido. Óleo possivelmente de Rembrandt/Possivelmente de  Gerard  Dou.
L'avare (O avarento, em português). Comédia de Molière em 5 atos


L'avare (O avarento, em português) é uma peça teatral de autoria de Jean-Baptiste Poquelin (Molière), baseado na Comédia da Panela, de Plauto. Estreou em Paris em 1668.
Sinopse
Harpagão, um velho que carrega os filhos para a sua mesquinharia e desconfia da lealdade de todos. Ele não descansa com medo de ser roubado, pois guarda todo seu dinheiro em casa, e na vigília para que os filhos não casem com alguém sem dotes.[1]
Fonte:

[O avarento, comédia de Molière: traje de Grand-Menil (Harpagon)]
Molière. Óleo sobre tela de Pierre Mignard.
Imagem/fonte:


Jean-Baptiste Poquelin, mais conhecido como Molière (Paris15 de janeiro de 1622 — Paris17 de Fevereiro de 1673[1]), foi um dramaturgo francês, além de actor e encenador, considerado um dos mestres da comédia satírica. Teve um papel de destaque na dramaturgia francesa, até então muito dependente da temática da mitologia grega. Molière usou as suas obras para criticar os costumes da época. É considerado o fundador indirecto da Comédie-Française. Dele, disse BoileauDans le sac ridicule où Scapin s'enveloppe je ne reconnais plus l'auteur du Misanthrope - ("No saco ridículo onde se envolve Escapino, não reconheço mais o autor de O Misantropo"). Como encenador, ficou também conhecido pelo seu rigor e meticulosidade.
http://www.noticiasespiritas.com.br/2017/OUTUBRO/31-10-2017_arquivos/image005.jpg
 A adoração de Mamon. Óleo sobre tela por Evelyn De Morgan.
O julgamento de Salomão. Têmpera de William Blake.
Bovinos em sítio. Foto Ismael Gobbo.
http://www.noticiasespiritas.com.br/2017/SETEMBRO/11-09-2017_arquivos/image037.jpg
Fogão de lenha. Foto Ismael Gobbo.
http://www.noticiasespiritas.com.br/2017/SETEMBRO/11-09-2017_arquivos/image038.jpg
Criação da Vovó. Óleo sobre tela de Oscar Pereira da Silva
Exposto na Pinacoteca do Estado de São Paulo. São Paulo, Brasil. Foto Ismael Gobbo
Sir_William_Crookes_1906
Sir William Crookes
Sem título4
Foto do Espírito Katie King (materializado) de braços com William Crookes.
800px-University_of_Chester_Old_College
Desenho da Universidade de Chester em 1843.

sexta-feira, 14 de junho de 2019

NOTICIAS DO MOVIMENTO ESPÍRITA. 15-06-2019.

CLICAR AQUI:
http://www.noticiasespiritas.com.br/2019/JUNHO/15-06-2019.htm

“As Torres”  de “Saint-Jean- d´Angely”.
Ilustração do livro “Obras de Jacques Bujault. (Oeuvres de Jacques Bujault).


http://cimetieresmellois.fr/MOUGON%20TOMBE%20JACQUES%20BUJAULT_html_166c3273.jpg
Túmulo de Jacques Bujault


Jacques Bujault (1771-1842) - Deputado do Deux-Sèvres e promotor de uma nova agricultura, nascido em La Forêt-sur-Sèvre , está enterrado no cemitério de Mougon. Sucessivamente livreiro, impressor e advogado, Bujault finalmente abraçou a carreira de lavrador. Um humanista esclarecido, ele procurou melhorar o bem-estar material de seus concidadãos, introduziu o uso de prados artificiais e publicou pequenos almanaques populares nos quais, falando de agricultura, ensinava os homens a se comportarem sabiamente ( extrair de WIKIPEDIA).
Livro “Obras de Jacques Bujault” (Oeuvres de Jacques Bujault).
Ilustração do livro “Obras de Jacques Bujault. (Oeuvres de Jacques Bujault). Página 428.
Ilustração do livro “Obras de Jacques Bujault. (Oeuvres de Jacques Bujault). Página 466.
Ilustração do livro “Obras de Jacques Bujault. (Oeuvres de Jacques Bujault).  Página 496.
Quadro de Allan Kardec de grandes dimensões na Librairie et Editions LeymarieParis, França.
Afresco de Michelangelo na Capela Sistina. Vaticano. “Separação da luz da escuridão”
A Luz do Mundo. Óleo sobre tela de William Holman Hunt.
http://www.noticiasespiritas.com.br/2019/MARCO/26-03-2019_arquivos/image019.jpg
Manhã em Guarujá, SP. Foto Ismael Gobbo.
http://www.noticiasespiritas.com.br/2019/MARCO/26-03-2019_arquivos/image014.jpg
As obras básicas do Espiritismo codificado por Allan Kardec.
Praia no Mar Mediterrâneo em Cesaréia Marítima. Israel. Foto Ismael Gobbo
Turdus rufiventris. (pt: Rufous-bellied Thrush) (pt / br: sabiá-laranjeira). Por Flávio Cruvinel Brandão.
Sem título
Francisco Peixoto Lins (Peixotinho)
informese_personalidade_peixotinho2_
Peixotinho e Chico Xavier no ano de 1953
informese_personalidade_peixotinho4_
Materialização do espírito Ana, aos 14/12/1953, através de ectoplasma liberado pelo médium Peixotinho
DSC09691
José Aparecido dos Santos e Ismael Gobbo com as irmãs Marisa e Alcione, filhas do médium
Peixotinho. Aliança Espírita Varas da Videira, Araçatuba, SP (2011). Foto do acervo de Ismael Gobbo.
DSC09720
Alcione Peixoto sendo entrevistada por Nelson Custódio (2011)