BLOG DE NOTÍCIAS DO MOVIMENTO ESPÍRITA.....ARAÇATUBA- SP

Atenção

"AS AFIRMAÇÕES, INFORMAÇÕES E PARECERES PUBLICADOS NESTE BLOG SÃO DE RESPONSABILIDADE EXCLUSIVA DE QUEM OS ELABOROU, ASSINA E OS REMETEU PARA PUBLICAÇÃO. FICA A CRITÉRIO DO RESPONSAVEL PELO BLOG A PUBLICAÇÃO OU NÃO DAS MATÉRIAS, COMENTÁRIOS OU INFORMAÇÕES ENCAMINHADOS."

quarta-feira, 21 de agosto de 2019

NOTICIAS DO MOVIMENTO ESPIRITA. 22-08-2019.

CLICAR AQUI:
http://www.noticiasespiritas.com.br/2019/AGOSTO/22-08-2019.htm

Hospital de Antiquaille. Lião, França
Place de l'Antiquaille, 20 de julho de 1853, dessin de Francisque Gabillot


hospital de Antiquaille é um antigo hospital localizado no local de Antiquaille, na cidade de Lyon . Ocupa um antigo convento de visitandines . O antigo hospital (antigo convento e peças construída no XIX th  século) são objecto de um registo como um monumento histórico desde21 de janeiro de 20051 .
........
......
..
Em 1803, o antigo convento da Visitação de Antiquaille tinha uma vocação hospitalar, servindo para descongestionar o hospital de quarentena de meninas de vida ruim, tolos e alguns condenados de direito comum. Era essencialmente um asilo para os mendigos e os loucos e as funções de cuidado ocupavam o segundo lugar. No entanto, os médicos de Antiquaille sempre foram recrutados pela concorrência. No meio DO XIX th  medicina do século depois de ser uma ciência de observação torna-se com Claude Bernarduma ciência experimental. Os médicos e cirurgiões do Antiquaille participaram amplamente dessa mutação. Entre 1830 e 1876, o Hospital do Antiquaille foi objecto de numerosas obras (obras de ampliação ou modernização), a maioria das quais dirigidas por Louis Cécile Flacheron , arquitecto da cidade de Lyon. Assim, L'Antiquaille foi administrado com sabedoria, mas, diante de dificuldades orçamentárias crônicas, foi convocado em 1846 nos hospícios civis de Lyon  ; assim, a riqueza de alguns compensaria a pobreza do outro.
Leia mais:

Arquivo: Joseph Arthaud.jpg
Fotografia de Joseph Arthaud. Medico Alienista em Lião, França.

Joseph Arthaud , nascido em13 de junho de 1813 em Lyon e morreu em17 de março de 1883 na mesma cidade é médico , psiquiatra e professor de medicina francesa.
........
......
....

De volta a Lyon, é médico substituto no hospital de Saint-Jean-de-Dieu de 1835 a 1842 e, depois, médico assistente no bairro do hospício do Antiquaille (1842), de onde toma a direção de 1849 a 1876. É como médico chefe deste estabelecimento que ele recebe em 1860 do Ministro do Interior a ordem de missão para ir a Morzine onde de 1857 acontece uma epidemia singular de acesso de convulsões que se tornam reais ataques demoníacos com raiva, fúria, blasfêmia e delírio especial etc. Suas observações sobre esses pacientes, chamados de Morzine , são objeto de um artigo publicado em 1861 nos "Anais da Sociedade Imperial de Medicina de Lyon" 5 .
http://www.noticiasespiritas.com.br/2019/FEVEREIRO/12-02-2019_arquivos/image012.jpg
Lião, França, em 1869. Vista da Cruz Vermelha.
http://www.noticiasespiritas.com.br/2019/FEVEREIRO/13-02-2019_arquivos/image009.jpg
A crise lionesa. Interior de uma tecelagem de seda. Autor Jules Férat. Fonte Le Monde Illustré.
Igreja Saint-Martin de Laballe, França.

Igreja Saint Martin é uma igreja católica localizada Lamballe em França 1 . Antigo priorado dependente da abadia de Marmoutiers, está na origem do bairro que o rodeia. Sua construção começou no XI th  século e continua até o XVIII th  século. Possui estátuas e pinturas de parede interessantes da Idade Média.
Leia mais:
Uma litografia de  Armand Gautier mostrando pessoas com doenças mentais comumente diagnosticadas no século XIX, nos jardins do Hospital Pitié-Salpêtrière. Imagem/fonte: https://simple.wikipedia.org/wiki/Mental_illness
http://www.noticiasespiritas.com.br/2014/JUNHO/20-06-2014_arquivos/image006.jpg
Busto do Dr. Francisco Franco da Rocha (1864 – 1933), um dos pioneiros do uso de técnicas modernas no tratamento de
 doenças mentais no Brasil.  Idealizador e fundador do Hospital Psiquiátrico do Juqueri em 1898. O busto datado de 1928 está em exposição na Biblioteca Municipal de  Franco da Rocha, SP. Foto Ismael Gobbo
Jesus de Gustave Doré curando o lunático
http://www.noticiasespiritas.com.br/2017/JULHO/26-07-2017_arquivos/image009.jpg
Dona Benedita Fernandes, primeira à esquerda de pé, um dos principais vultos do movimento espírita de
Araçatuba, SP, depois de curar-se de obsessão no Espiritismo se dedicou a cuidar de doentes mentais e crianças.
http://www.noticiasespiritas.com.br/2015/DEZEMBRO/21-12-2015_arquivos/image010.jpg
Estátua “O Pensador”, de Auguste Rodin. Praça do Congresso. Buenos Aires, Argentina. Foto Ismael Gobbo


Campanha de Doação de livros para o
Movimento Espírita do Japão



Vídeo:  O legado de Allan Kardec- Gênese - opiniões refratárias,  com Simoni Privato Goidanich. 

Acesse no link




Amélia Augusta do Sacramento Rodrigues
26-05-1861 / 22-08-1926
http://www.noticiasespiritas.com.br/2012/MAIO/28-05-2012_arquivos/image001.jpg
Amélia Rodrigues
Imagem: internet

http://www.noticiasespiritas.com.br/2012/MAIO/28-05-2012_arquivos/image002.jpg

POEMA DE GRATIDÃO
Amélia Rodrigues/Divaldo Pereira Franco

Acessar aqui:


http://www.noticiasespiritas.com.br/2018/NOVEMBRO/24-11-2018_arquivos/image031.jpg
 Cristo Redentor em Serra Negra, SP. Foto Ismael Gobbo.
http://www.noticiasespiritas.com.br/2018/NOVEMBRO/24-11-2018_arquivos/image028.jpg
As Bem-aventuranças. Aquarela de James Tissot.


terça-feira, 20 de agosto de 2019

NOTICIAS DO MOVIMENTO ESPIRITA. 21-08-2019.

CLICAR AQUI:
http://www.noticiasespiritas.com.br/2019/AGOSTO/21-08-2019.htm


http://www.noticiasespiritas.com.br/2018/OUTUBRO/20-10-2018_arquivos/image011.jpg
Busto do filósofo Zenon. Museu Galo-Romano. Lião, França. Foto Ismael Gobbo.

Zenão de Eleia, (em grego antigoΖήνων ὁ Ἐλεάτης; cerca de 490/485 a.C.430 a.C.?)[1] foi um filósofo pré-socrático da escola eleática que nasceu em Eleia, hoje Vélia, Itália. Discípulo de Parmênides de Eleia, defendeu de modo apaixonado a filosofia do mestre. Seu método consistia na elaboração de paradoxos.[2] Deste modo, não pretendia refutar diretamente as teses que combatia mas sim mostrar os absurdos daquelas teses (e, portanto, sua falsidade). Acredita-se que Zenão tenha criado cerca de quarenta destes paradoxos, todos contra a multiplicidade, a divisibilidade e o movimento (que nada mais são que ilusões, segundo a escola eleática). A citação padronizada usa DK29[3] para Zenão.
Ao contrário de Heráclito de Éfeso, Zenão exerceu atividade política. Consta que teria participado de uma conspiração contra o tirano local, sendo preso e torturado até a morte. Considerado por Aristóteles como o criador da dialética.

 https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/5/5d/St._Luke%2C_Painting_by_El_Greco._Indianapolis_Museum_of_Art.jpg
São Lucas, o Evangelista. Óleo sobre tela de El Greco.
http://www.noticiasespiritas.com.br/2012/FEVEREIRO/17-02-2012_arquivos/image002.jpg
Paisagem da antiga Éfesus, na Ásia Menor (Turquia), vista do teatro Greco-romano.
Foto Ismael Gobbo
http://www.noticiasespiritas.com.br/2019/FEVEREIRO/16-02-2019_arquivos/image008.jpg
Estátua do São Paulo. Praça da Sé. São Paulo, Brasil. Foto Ismael Gobbo.
http://www.noticiasespiritas.com.br/2019/MARCO/21-03-2019_arquivos/image009.jpg
1ª. página do jornal “Le Siècle” de 14 de outubro de 1861 noticiando o Auto de Fé de Barcelona
ocorrido no dia 9 de outubro de 1861. No alto à esquerda da página.

http://www.noticiasespiritas.com.br/2019/MARCO/21-03-2019_arquivos/image013.jpg
Auto de fé de Barcelona com  queima de livros espíritas aos 9 de outubro de 1861.


Auto de fé de Barcelona
O evento causou viva impressão por meio da imprensa de todo o mundo à época, evocando as antigas fogueiras do Santo Ofício, chamando a atenção para as obras espíritas.
Kardec, em decorrência deste episódio, comentou:
"Graças a esse zelo imprudente, todo o mundo, em Espanha, vai ouvir falar do Espiritismo e quererá saber o que é; é tudo o que desejamos. Podem-se queimar os livros, mas não se queimam as ideias; as chamas das fogueiras as super-excitam em lugar de abafá-las. As ideias, aliás, estão no ar, e não há Pirenéus bastante altos para detê-las; e quando uma ideia é grande e generosa, ela encontra milhares de peitos prontos para aspirá-la."[1]

Hippolyte Léon Denizard Rivail,  o célebre “Allan Kardec”, codificador da Doutrina Espírita.
Epimenides de " Promptuarii Iconum Insigniorum "


Epimênides nasceu em Cnossos, na ilha de Creta (segundo Estrabão, ele era natural de FestoCreta[1]). Diz-se que esteve em Atenasno tempo de Sólon, onde os achados históricos, conforme descrito por Diógenes Laertius, lhe atribuem ter limpado a cidade de uma praga que a assolava. Diz-se também que já visitara a cidade dez anos antes das guerras com os persas, sendo que as duas visitas estão separadas por mais de cem anos. Todavia, várias autoridades relataram que ele viveu entre 154 e 299 anos.
Dito como "homem estranho" pelo seu povo, Epimênides era um dos poucos da sua época e região que criam em apenas um Deus e, segundo conta Diógenes Laertius, quando houve a praga em Atenas muito se fizeram de holocaustos para "apaziguar a fúria dos deuses", que passavam de 30 000, ou seja, tinham mais deuses em estátuas nas ruas do que pessoas vivendo em Atenas, onde foram até chamados sacerdotes egípcios e babilônicos para tentarem resolver aquela praga, mas sem sucesso algum. Quando então lembraram o Deus único de Epimênides, então o chamaram. Ele mostrou-os o erro de adorarem deuses que não poderiam os ajudar em nada, e mandou que colocassem ovelhas no alto do areópago que estas iriam lhes mostrar o local onde esse Deus queria ser adorado. Então, num ato "místico" as ovelhas desceram o areópago e andaram até um local onde não havia nenhum tipo de idolatria. E ali os artífices construíram um altar e como não sabiam o "nome" desse Deus, a mando de Epimênides talharam como "o Deus desconhecido" (assim como descrito em Atos 17:23) e assim conseguiram resolver o problema da praga.

https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/thumb/5/56/V%26A_-_Raphael%2C_St_Paul_Preaching_in_Athens_%281515%29.jpg/800px-V%26A_-_Raphael%2C_St_Paul_Preaching_in_Athens_%281515%29.jpg
São Paulo dando o Sermão do Areópago em em Atenas. Rafael 1515.
 Imagem/fonte:


Atos 17: 22-31 ( WEB ): 22 Paulo estava no meio do Areópagoe disse: “Vocês, homens de Atenas, percebo que vocês são muito religiosos em todas as coisas. 23 Pois, conforme passei e observei os objetos de vossa adoração, encontrei também um altar com esta inscrição: 'A DEUS DESCONHECIDO'. O que, portanto, você adora na ignorância, isso eu anuncio para você. 
Leia mais:

O Areópago visto da Acrópole. Atenas, Grécia.
http://www.noticiasespiritas.com.br/2016/OUTUBRO/19-10-2016_arquivos/image016.jpg
Odeon de Herodes Ático. Atenas, Grécia. Foto Ismael Gobbo
http://www.noticiasespiritas.com.br/2016/OUTUBRO/19-10-2016_arquivos/image015.jpg
Busto de Heródoto, chamado de “Pai da História”. Museu da Ágora, Atenas, Grécia. Foto Ismael Gobbo
O pesadelo. Óleo sobre tela de Henry Fuseli.



Filme Kardec
Assista o trailer em espanhol
Acesse:



A conversão de Maria Madalena. Óleo sobre tela de Paolo Veronese.
http://www.noticiasespiritas.com.br/2018/JANEIRO/01-01-2018_arquivos/image026.jpg
http://www.noticiasespiritas.com.br/2018/JANEIRO/01-01-2018_arquivos/image027.jpg
Estrada da Galiléia nas proximidades da antiga Magdala. Israel. Fotos Ismael Gobbo

segunda-feira, 19 de agosto de 2019

NOTICIAS DO MOVIMENTO ESPIRITA. 20-08-2019.

CLICAR AQUI:
http://www.noticiasespiritas.com.br/2019/AGOSTO/20-08-2019.htm


http://www.noticiasespiritas.com.br/2019/FEVEREIRO/12-02-2019_arquivos/image017.jpg
Vista de Lião, França,  desde a Colina de Fourvière. O Rio Saône e a   Igreja de Saint-Nizier. Foto Ismael Gobbo.
Catedral de Saint-Jean. Lião, França. Foto Ismael Gobbo.


Catedral de LyonCatedral de Lião ou Primacial Saint-Jean-Baptiste-et-Saint-Etienne, também chamada, mais simplesmente, de Catedral de Saint-Jean (em francêsPrimatiale Saint-Jean de Lyon ) é a sede episcopal da Arquidiocese de Lyon. Ela tem a classificação de uma catedral e de primacial: o arcebispo de Lyon a título de Primaz das Gálias; o titular, desde 2002, é o arcebispo Philippe Barbarin.
Ela está localizada no quinto arrondissement de Lyon, no coração do bairro medieval e renascentista de Vieux Lyon, onde ela é um dos elementos marcantes. Na Idade Média, era parte de um complexo de igrejas e outros edifícios religiosos, o grupo catedral, que incluía as igrejas de Saint-Étienne e Sainte-Croix, destruídas na Revolução, bem como a atual escola de coro.
O Batismo do Cristo em frente da Catedral de “Saint-Jean Baptiste”. Lião, França. Foto Ismael Gobbo.
A entrada para a cidade de Margaux rodeada de vinhas.
Igreja de Margaux. França.
http://www.noticiasespiritas.com.br/2019/MAIO/20-05-2019_arquivos/image010.jpg
Santo Agostinho (354- 430)  retratado em óleo sobre tela por  Philippe de Champaigne


Agostinho de Hipona (em latimAurelius Augustinus Hipponensis[2]), conhecido universalmente como Santo Agostinho, foi um dos mais importantes teólogos e filósofos nos primeiros séculos do cristianismo,[3] cujas obras foram muito influentes no desenvolvimento do cristianismo e filosofia ocidental. Ele era o bispo de Hipona, uma cidade na província romana da África. Escrevendo na era patrística, ele é amplamente considerado como sendo o mais importante dos Padres da Igreja no ocidente. Suas obras-primas são De Civitate Dei ("A Cidade de Deus") e "Confissões", ambas ainda muito estudadas atualmente.
Leia mais:

http://www.noticiasespiritas.com.br/2019/MAIO/20-05-2019_arquivos/image011.jpg
F. de Lamennais
F. de Lamennais : [estampe] / Aloysius Calamatta ad vivum delineavit et sculpsit 1847

Lamennais:
Hughes Félicité Robert de Lamennais, foi um filósofo e escritor político francês. Wikipédia
Nascimento: 19 de junho de 1782, Saint-Malo, França
Falecimento: 27 de fevereiro de 1854, Paris, França


http://www.noticiasespiritas.com.br/2019/MAIO/20-05-2019_arquivos/image012.jpg
Página do jornal “Le Siècle” de 01-03-1854 noticiando a morte de Lamennais seu velório e enterro. Veja na segunda coluna “Nécrologie”..


.........................
.......................
...............
Papa Gregório XVI desautorizou as opiniões de Lamennais na Encíclica "Mirari vos", em Agosto de 1831. Não houve uma citação específica a ele e nem a seu jornal, mas tão somente uma censura implícita a ambos. Inicialmente, Lamennais suspendeu a distribuição do jornal, submetendo-se; mais tarde deixou a Igreja e defendeu a própria posição na obra "Paroles d'un croyant" (Palavras de um crente), condenada explícitamente na Encíclica "Singulari nos", em Julho de 1834, sendo citados tanto o autor quanto a obra.
Incansável, ele se devotou à causa do povo, colocando sua pena a serviço do Republicanismo e do Socialismo. Escreveu obras como "O Livro do Povo" (1838), "Os afazeres de Roma" e "Esboço de uma Filosofia". Chegou a ser condenado à prisão mas, já em 1848 foi eleito para a Assembleia Nacional, aposentando-se em 1851.
Por ocasião de sua morte, não desejando se reconciliar com a Igreja, foi sepultado em uma cova de indigente.
Leia mais:
http://www.noticiasespiritas.com.br/2019/MAIO/20-05-2019_arquivos/image013.jpg
Desenho do Cemitério Père Lachaise por Christophe Civeton. 1829.
Imagem/fonte: 
https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Civeton_-_Père-Lachaise_-_Maximilien_Sébastien_Foy.jpg

O  Cemitério Père Lachaise situado  a leste de  Paris é  um
dos mais famosos  do mundo. Nele estão  sepultadas per-
sonalidades famosas que se destacaram nas  ciências, nas
letras,  nas artes, na política, na  religião, ...
Numa vala comum foi  sepultado Lamennais em 1854.

Ficheiro:Portrait of Dominique Lacordaire.jpg
Henri Dominique Lacordaire (02-05-1802 / 21-11-1861)
Contemporâneo de Allan Kardec na carne, o Espírito Lacordaire ditou mensagens inseridas em 
O Evangelho Segundo o Espiritismo. Imagem/fonte: https://pt.wikipedia.org/wiki/Henri_Dominique_Lacordaire


Henri Lacordaire, de seu nome completo Jean-Baptiste-Henri Dominique Lacordaire, foi um religioso dominicano, nascido a 2 de maio 1802 em Recey-sur-Ource (Côte-d'OrBorgonha), e falecido a 21 de novembro 1861 em Sorèze (Tarn). Foi padre, jornalista, educador, deputado e académico, sendo considerado como um precursor do catolicismo moderno e restaurador em França da Ordem dos Pregadores.

http://www.noticiasespiritas.com.br/2014/MAIO/05-05-2014_arquivos/image039.jpg
Jean-Baptiste-Marie Vianney – O Cura d’Ars
(8 de Maio  de 1786 – 4 de Agosto de  1859)
Está presente em O Evangelho Segundo o Espiritismo com a instrução no Cap. VIII: 20 –
 “Bem-aventurados os que  têm  fechados os olhos” , uma comunicação dada com relação
 a uma pessoa cega, a cujo favor se evocara o Espírito de J.B. Vianney, cura d’ Ars.
http://www.noticiasespiritas.com.br/2017/AGOSTO/02-08-2017_arquivos/image010.jpg
François Fénelon *. Óleo sobre tela por Joseph Vivien.



François Fénelon, pseudônimo de François de Salignac de La Mothe-Fénelon (6 de agosto de 1651 - 7 de janeiro de 1715), também conhecido como ''o Cisne de Cambrai'', foi um teólogo católicopoeta e escritor francês, cujas ideias liberais sobre política e educação, esbarravam contra o "statu quo" da Igreja e do Estado dessa época. Pertenceu à Academia Francesa de Letras. (Wikipedia)


 O espírito Fénelon participou da obra da Codificação do Espiritismo através de mensagens que constam das obras básicas,
dentre elas “O Evangelho Segundo o Espiritismo”, assinado por Allan Kardec.

Animais na cocheira. Foto Ismael Gobbo.
Treinador de uma família imperial.
http://www.noticiasespiritas.com.br/2019/JANEIRO/22-01-2019_arquivos/image011.jpg
Uma visão de Paris da Pont Neuf. 1763. Óleo sobre tela de Jean-Baptiste Raguenet.
Imagem/fonte:
Telefones antigos. .  Exposto na Fábrica de Vapor. Milão, Itália. Foto Ismael Gobbo
http://www.noticiasespiritas.com.br/2019/JANEIRO/28-01-2019_arquivos/image009.jpg
http://www.noticiasespiritas.com.br/2019/JANEIRO/28-01-2019_arquivos/image010.jpg
Exposição de aparelho de telegrafia 
 Fábrica de Vapor. Milão, Itália. Foto: Lucas Gobbo.
Locomotiva a vapor. Exposta na Fábrica de Vapor. Milão, Itália. Foto: Ismael Gobbo
Selo no disco de 78 rpm com gravação da marchinha carnavalesca de Sinhô "O Pé de Anjo" do cantor Francisco Alves, pela gravadora "Popular", Rio de Janeiro, 1919.


OUÇA PORTA ABERTA
COM VICENTE CELESTINO


Túmulo de Vicente Celestino com  o Cristo Redentor ao fundo.
Cemitério São João Batista. Rio de Janeiro, Brasil. Foto Ismael Gobbo