BLOG DE NOTÍCIAS DO MOVIMENTO ESPÍRITA.....ARAÇATUBA- SP

Atenção

"AS AFIRMAÇÕES, INFORMAÇÕES E PARECERES PUBLICADOS NESTE BLOG SÃO DE RESPONSABILIDADE EXCLUSIVA DE QUEM OS ELABOROU, ASSINA E OS REMETEU PARA PUBLICAÇÃO. FICA A CRITÉRIO DO RESPONSAVEL PELO BLOG A PUBLICAÇÃO OU NÃO DAS MATÉRIAS, COMENTÁRIOS OU INFORMAÇÕES ENCAMINHADOS."

quarta-feira, 30 de setembro de 2020

BOLETIM DIÁRIO DE NOTÍCIAS DO MOVIMENTO ESPÍRITA. 01-10-2020.

CLICAR AQUI:

http://www.noticiasespiritas.com.br/2020/OUTUBRO/01-10-2020.htm

Uma pintura do final do século 19 do Ato IV, Cena III de Júlio César de Shakespeare: Brutus vê o fantasma de César.

Imagem/fonte: https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Brutus_sees_Caesar%27s_ghost.jpg

 

Cego Tom Wiggins

Imagem da Biblioteca do Congresso dos EUA

Copiada de  https://en.wikipedia.org/wiki/Blind_Tom_Wiggins

 

 

Thomas " Blind Tom " Wiggins (25 de maio de 1849 - 14 de junho de 1908) foi um prodígio musical americano no piano. Ele teve várias composições originais publicadas e teve uma carreira longa e muito bem-sucedida nos Estados Unidos. Durante o século 19, ele foi um dos pianistas americanos mais conhecidos e um dos músicos afro-americanos mais conhecidos . Embora ele tenha vivido e morrido antes que o autismo fosse descrito, ele agora é considerado um autista savant .

Leia mais:

https://en.wikipedia.org/wiki/Blind_Tom_Wiggins

O cego Tom Wiggins sentado

Copiada de  https://en.wikipedia.org/wiki/Blind_Tom_Wiggins

Cego Tom Wiggins segurando uma cópia de sua primeira composição musical, The Rain Storm. Por volta de 1861

Copiado de https://en.wikipedia.org/wiki/Blind_Tom_Wiggins

O General James N. Bethune e o cego Tom

Copiado de https://en.wikipedia.org/wiki/Blind_Tom_Wiggins

Avenue de Neuilly, em Neuilly, por volta de 1900.

Imagem/fonte: https://fr.wikipedia.org/wiki/Avenue_de_Neuilly

Catedral Notre Dame. Paris, França. Foto Ismael Gobbo

Arco do Triunfo do Carrossel. Paris, França. Foto Ismael Gobbo

 

Arco do Triunfo do Carrossel (em francês Arc de Triomphe du Carrousel) é um monumento datando de 1809, construído por Napoleão I (Napoleão Bonaparte). Existem entradas sobre cada uma de suas quatro faces. Está situado no 1º arrondissement de ParisFrança. Localiza-se na Praça do Carrossel, à oeste do Museu do Louvre.

Leia mais:

https://pt.wikipedia.org/wiki/Arco_do_Triunfo_do_Carrossel

Arco do Triunfo do Carrossel. Paris, França. Foto Ismael Gobbo

 

Arco do Triunfo do Carrossel (em francês Arc de Triomphe du Carrousel) é um monumento datando de 1809, construído por Napoleão I (Napoleão Bonaparte). Existem entradas sobre cada uma de suas quatro faces. Está situado no 1º arrondissement de ParisFrança. Localiza-se na Praça do Carrossel, à oeste do Museu do Louvre.

Leia mais:

https://pt.wikipedia.org/wiki/Arco_do_Triunfo_do_Carrossel

Jó recebe seus amigos. Óleo sobre tela por Ilya Repin

Imagem/fonte: https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Job_and_his_friends.jpg

A Caridade. Óleo sobre tela de João Zeferino da Costa.

Museu Nacional de Belas Artes. Rio de Janeiro, Brasil. Foto Ismael Gobbo.





terça-feira, 29 de setembro de 2020

BOLETIM DIÁRIO DE NOTÍCIAS DO MOVIMENTO ESPÍRITA. 30-09-2020.

CLICAR AQUI:

http://www.noticiasespiritas.com.br/2020/SETEMBRO/30-09-2020.htm

Atividades holandesas na costa das Maurícias, bem como a primeira representação publicada

de um pássaro dodô , à esquerda, 1601

Imagem/fonte: https://en.wikipedia.org/wiki/Mauritius#/media/File:Het_Tweede_Boeck.jpg

 

 

 

Maurícia ( / m ə r do ɪ ʃ ( i ) ə s , m ɔː - / escutar ) Sobre este som mə- RISH - (EE) əs, maw- ; francês : Maurice [mɔʁis, moʁis] ouça )Sobre este som ; Crioulo : Moris [moʁis] ), oficialmente a República da Maurícia (francês: République de Maurice ; Crioulo: Repiblik Moris [8] ), é uma nação insular no Oceano Índico a cerca de 2.000 quilômetros (1.200 milhas) da costa sudeste doContinente africano . O país inclui as ilhas Maurícias , Rodrigues , Agaléga e St. Brandon . [9] [10] As ilhas Maurícias e Rodrigues fazem parte doIlhas Mascarene , junto com a vizinha Reunião , um departamento francês no exterior . A capital e maior cidade de Port Louis está localizada na principal ilha das Maurícias. A área do país é de 2.040 quilômetros quadrados, a Zona Econômica Exclusiva do país cobre uma área de 2,3 milhões de quilômetros quadrados. [11]

Leia mais:

https://en.wikipedia.org/wiki/Mauritius#/media/File:Het_Tweede_Boeck.jpg

Hipódromo de “Champ de Mars”. Port Louis. 1880. Artista: Numa Desjardins.

Imagem/fonte: https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Numa_Desjardins_Champ_de_Mars_Port_Louis_1880.jpg

Retrato de Luis XV Rei da França (1710-1774). Pintura de Louis Michel van Loo.

Imagem/fonte: https://pt.m.wikipedia.org/wiki/Ficheiro:Louis_XV;_Buste.jpg

 

Port Louis

Port Louis já estava em uso como porto em 1638. Em 1736, sob o governo francês , tornou-se o centro administrativo das Maurícias e uma grande parada de reprovisionamento de navios franceses durante sua passagem entre a Ásia e a Europa, ao redor do Cabo da Boa Esperança . [3] O porto é nomeado em homenagem ao rei Luís XV . Durante este período de colonização francesa, as Maurícias eram conhecidas como Ile de France.

Leia mais:

https://en.wikipedia.org/wiki/Port_Louis

Duque e Duquesa da Cornualha e York nas Maurícias, 1901

Imagem/fonte: https://en.wikipedia.org/wiki/Mauritius

Port Louis. Catedral de Saint Louis. Autor: Karsten Ratzke.

Imagem/fonte: https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Port_Louis,_Saint_Louis_Cathedral.jpg

Mercado na rue Mouffetard perto da église Saint-Médard em Paris em 1910. Foto de Eugène Atget

Imagem/fonte: https://fr.wikipedia.org/wiki/%C3%89glise_Saint-M%C3%A9dard_de_Paris

A sonâmbula. Óleo sobre tela por John Everett  Millais.

Imagem/fonte:  

https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/a/a7/John_Everett_Millais%2C_The_Somnambulist.jpg

Museu  D´Orsay na margem esquerda do rio Sena. Paris, França. Foto Ismael Gobbo.

A Última Ceia com a cena de Jesus lavando os pés dos apóstolos. Grupo em terracota

de tamanho natural. Igreja do Santo Sepulcro, Milão, Itália. Foto Ismael Gobbo

“Ecce homo”. Pilatos apresenta Jesus à multidão. Óleo sobre tela por  Antonio Ciseri.

Imagem/fonte:  https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Eccehomo1.jpg

 

 

 

Na Bíblia, a única referência à esposa de Pilatos se encontra em Mateus 27:19, em que ela manda uma mensagem a seu marido pedindo a ele que não condene Jesus Cristo à morte, dizendo:

«Não te envolvas no caso desse justo, porque muito sofri, hoje, em sonhos, por causa dele.» (Mateus 27:19) (Wikipedia)

Cristo na cruz. Óleo sobre tela por Eugène Delacroix.

Imagem/fonte: https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/d/d2/Eug%C3%A8ne_Delacroix_-_Christ_on_the_Cross_-_Walters_3762_%282%2

 

As obras básicas do Espiritismo codificado por Allan Kardec.

Imagem/fonte: http://www.guia.heu.nom.br/obras_basicas.htm

 

Tenzing e Hillary. Foto da coleção de John Henderson.

Fotografia enviada por Dirk Pons, neto de John Henderson. John era um plantador de chá em Darjeeling, e sua esposa Jill, a secretária do clube de montanha, tão envolvida com os sherpas e o provisionamento das várias escaladas.

Copiada de: https://en.wikipedia.org/wiki/Edmund_Hillary

 

Sir Edmund Percival Hillary KG ONZ KBE (20 de julho de 1919 a 11 de janeiro de 2008) foi um alpinista , explorador e filantropo da Nova Zelândia . Em 29 de maio de 1953, Hillary e o montanhista sherpa Tenzing Norgay se tornaram os primeiros escaladores confirmados a chegar ao cume do Monte Everest . Eles fizeram parte da nona expedição britânica ao Everest , liderada por John Hunt . De 1985 a 1988, ele serviu como Alto Comissário da Nova Zelândia na Índia e em Bangladesh e simultaneamente como Embaixador no Nepal.

Leia mais:

https://en.wikipedia.org/wiki/Edmund_Hillary

29 de maio de 1953 Tenzing Norgay e Edmund Hillary após completar com sucesso a primeira subida do

Monte Everest às 11h30.   Autor: Jamling Tenzing Norgay

Copiado de https://en.wikipedia.org/wiki/Mount_Everest

The Hillary Step no cume que conduz ao cume (foto de 2010). Autor: Debasish biswas kolkata

Copiado de https://en.wikipedia.org/wiki/Hillary_Step

Sermão  da Montanha. Óleo sobre tela Carl Heinrich Bloch

Imagem: http://en.wikipedia.org/wiki/File:Bloch-SermonOnTheMount.jpg

 

No centro da foto o Monte das Bem-aventuranças. À direita o Mar da Galiléia ou Lago

de Genesaré ou Lago de Tiberiades. Foto Ismael Gobbo

O Mar da Galiléia visto do Monte das Bem-aventuranças. Israel. Foto Ismael Gobbo.

Leopoldo Machado

30-09-1891 / 22-08-1956

Imagem/fonte:

https://www.febnet.org.br/blog/geral/noticias/efemeride-leopoldo-machado/












segunda-feira, 28 de setembro de 2020

BOLETIM DIÁRIO DE NOTÍCIAS DO MOVIMENTO ESPÍRITA. 29-09-2020.

CLICAR AQUI:

 http://www.noticiasespiritas.com.br/2020/SETEMBRO/29-09-2020.htm

Aurélien Scholl

Imagem/fonte: https://fr.wikipedia.org/wiki/Aur%C3%A9lien_Scholl

 

Antoine Aurélien Scholl , nascido em Bordéus em14 de julho de 1833e morreu em Paris 9 ª o16 de abril de 19021 , é jornalista , dramaturgo , colunista e romancista francês .

Ele descansa no cemitério Chartreuse em Bordeaux 2 .

Leia mais:

https://fr.wikipedia.org/wiki/Aur%C3%A9lien_Scholl

Aurélien Schol

Imagem/fonte: https://gallica.bnf.fr/ark:/12148/btv1b530659703

Pintura retratando o filósofo e escritor Ernest Renan em seu Escritório.  Foi o autor de “Vida de Jesus”.

Imagem/fonte:

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:20_Tr%C3%A9guier_Autre_portrait_d%27Ernest_Renan_-dans_son_bureau-.JPG

Capas de “Vida de Jesus” de Renan. Internet

A Vida de Jesus por Ernest Renan

Acesse edição em francês aqui:

https://gallica.bnf.fr/ark:/12148/bpt6k29523k/f1.image

 


Obra de Leonardo da Vinci intitulada “Salvator Mundi”. Jesus Cristo. Pintura a óleo sobre madeira de nogueira.

Reprodução da pintura após restauração por Dianne Dwyer Modestini, professora de pesquisa

da Universidade de Nova York. Imagem/fonte:

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Leonardo_da_Vinci,_Salvator_Mundi,_c.1500,_oil_on_walnut,_45.4_%C3%97_65.6_cm.jpg

Foto em preto e branco de Ernest Renan. Autor  Antoine Samuel Adam-Salomon 

Imagem/fonte: https://en.wikipedia.org/wiki/Ernest_Renan

Estátua de Ernest Renan em praça da cidade de Tréguier, França, sua terra natal.

Imagem/fonte: https://en.wikipedia.org/wiki/Tr%C3%A9guier

O Le Monde Illustré do dia 8 de outubro de 1892 registra o falecimento de Ernest Renan ocorrido na cidade

De Paris, França, no dia 2 de outubro de 1892.

Acesse  aqui: https://gallica.bnf.fr/ark:/12148/bpt6k6383114f/f1.item

Foto do túmulo de Ernest Renan no Cemitério de  Montmartre. Paris, França. Autor|: Jérôme Galichon

Imagem/fonte: https://fr.wikipedia.org/wiki/Fichier:Tombe_d%27Ernest_Renan_%E2%80%94_Cimeti%C3%A8re_de_Montmartre.jpg

Jesus: óleo sobre tela de Maria Tereza Braga.

Allan Kardec, Codificador do Espiritismo. Wikipedia

Palais Royal. Paris, França. Local de lançamento de O Livro dos Espíritos em 18 de abril de 1857. Foto Ismael Gobbo.
Jardins do Palais Royal. Paris,  França. Foto Ismael Gobbo

O Livro dos Espíritos. Autor: Allan  Kardec.  1ª. edição 1857

Copiado de:  https://kardec.blog.br/18-de-abril-de-1857/

Divaldo Pereira Franco.  Conferência do centenário  de O Livro dos Espíritos. Salvador, BA, 18/4/1957
Público presente à conferência de Divaldo Pereira Franco no centenário de O Livro dos Espíritos. Salvador, BA, 18/4/1957

Correios do Brasil. Selo comemorativo do 1º. Centenário da Codificação do Espiritismo.

Fonte: https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Br%C3%A9sil_1957_timbre_Allan_Kardec.jpg

Pinocchio de Enrico Mazzanti (1852-1910) - o primeiro ilustrador (1883) de Le avventure di Pinocchio. Storia di un burattino - colorido por Daniel DONNA

Imagem/fonte: https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Pinocchio.jpg

Pinóquio.

Imagem/fonte: https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Pinocchio_(1916)_(14752832765).jpg

Diógenes à procura de um homem honesto , atribuído a JHW Tischbein ( c.  1780 )

Fonte: https://en.wikipedia.org/wiki/Honesty

Narciso. Óleo sobre tela de Caravaggio.

Imagem: http://pt.wikipedia.org/wiki/Ficheiro:Michelangelo_Caravaggio_065.jpg.

Romeu e Julieta. Óleo sobre tela de Frank Dicksee

Imagem/fonte: https://pt.wikipedia.org/wiki/Amor