BLOG DE NOTÍCIAS DO MOVIMENTO ESPÍRITA.....ARAÇATUBA- SP

Atenção

"AS AFIRMAÇÕES, INFORMAÇÕES E PARECERES PUBLICADOS NESTE BLOG SÃO DE RESPONSABILIDADE EXCLUSIVA DE QUEM OS ELABOROU, ASSINA E OS REMETEU PARA PUBLICAÇÃO. FICA A CRITÉRIO DO RESPONSAVEL PELO BLOG A PUBLICAÇÃO OU NÃO DAS MATÉRIAS, COMENTÁRIOS OU INFORMAÇÕES ENCAMINHADOS."

quarta-feira, 1 de abril de 2020

BOLETIM DIÁRIO DE NOTÍCIAS DO MOVIMENTO ESPÍRITA. 02-04-2020.

CLICAR AQUI:
http://www.noticiasespiritas.com.br/2020/ABRIL/02-04-2020.htm

http://www.noticiasespiritas.com.br/2019/JUNHO/20-06-2019_arquivos/image011.jpg
Jardim das Tulherias; obelisco egípcio na Praça da Concórdia e Arco do Triunfo ao fundo. Paris, França. 
Foto Ismael Gobbo
http://www.noticiasespiritas.com.br/2017/JUNHO/28-06-2017_arquivos/image013.jpg
Notre Dame de Paris. França. Óleo sobre tela por Armand Guillaumin. Exposto no Museu Nacional de Belas Artes, Rio de Janeiro, Brasil
http://www.noticiasespiritas.com.br/2019/MARCO/15-03-2019_arquivos/image012.jpg
Entrada do  Cemitério Montmartre em 1860.


31 de março de 2020 assinala os  151 anos da desencarnação
de Allan Kardec, codificador do Espiritismo.

Allan Kardec desencarnou no dia 31-03-1869 e foi sepultado no dia 2 de abril de 1869 no Cemitério Montmartre.
Discursaram: o vice-presidente da Sociedade Parisiense de Estudos Espíritas, Sr. Levent,  o célebre astrônomo Camille Flamarion,  que fez um relato da veneranda existência do codificador, Alexandre Delanne e E. Muller.

http://www.noticiasespiritas.com.br/2019/MARCO/15-03-2019_arquivos/image013.jpg
Cemitério Père Lachaise em 1815. No canto superior direito o túmulo de Heloise e Abelard.
Imagem/fonte:

Em 29 de março de 1870, os despojos de Kardec foram exumados e transferidos do Cemitério Montmartre para o Cemitério Père-Lachaise. A inauguração do belo dólmen do Père Lachaise se deu às duas horas da tarde do dia 31.
Na comovente solenidade, falaram os eminentes vultos do espiritismo da França: Levent, Desliens, Leymarie e Guilbert.
http://www.noticiasespiritas.com.br/2019/JULHO/17-07-2019_arquivos/image018.jpg
Quadro de Allan Kardec de grandes dimensões na Librairie et Editions LeymarieParis, França.
220px-Auguste_Comte
Isidore Auguste Marie François Xavier Comte (19-01-1798 /  05-09-1857) foi um filósofo francês, fundador da
Sociologia e do Positivismo, que trabalhou intensamente na criação de uma filosofia positiva.
augustocomte1
image005
Lápide e túmulo  de Augusto  Comte no Cemitério Père Lachaise. Paris, França. Fotos Ismael Gobbo
http://www.noticiasespiritas.com.br/2019/MARCO/28-03-2019_arquivos/image011.jpg
O célebre orientalista e « Pai dos Hieróglifos »  Jean François Champollion (23-12-1790 / 04-03-1832)
Óleo sobre tela de Léon Cogniet.
http://www.noticiasespiritas.com.br/2019/MARCO/28-03-2019_arquivos/image013.jpg
Túmulo de Jean François Champollion “O Jovem” em forma de obelisco egípcio
Cemitério Père Lachaise, Paris, França. Foto Ismael Gobbo
Eugène Delacroix. Auto retrato em óleo sobre tela.
Túmulo de Eugène Delacroix no Cemitério Père Lachaise. Paris, França. Foto Ismael Gobbo.
Túmulo de Honoré de Balzac (20-05-1799 / 18-08-1850). Cemitério Père Lachaise. Paris, França. Foto Ismael Gobbo.
http://www.noticiasespiritas.com.br/2019/NOVEMBRO/02-11-2019_arquivos/image016.jpg
Túmulo de Samuel Hahnemann (10-04-1755 / 02-07-1843),  criador  da Homeopatia,  no
Cemitério do Père Lachaise,  em Paris, França.   Foto: Ismael Gobbo
http://www.noticiasespiritas.com.br/2015/DEZEMBRO/11-12-2015_arquivos/image009.jpg
Estátua de Jean Jacques Rousseau (1712- 1778),  que fica ao lado da Faculdade de Direito de Paris- Sorbonne e
 próximo do Panteón onde está sepultado. Paris, França.  Foto Ismael Gobbo
PARIS-PANTEON E SAINT ETTIENE
O grande e belo monumento em estilo neoclássico do Panteão,  em Paris, França.  No  local estão sepultadas
dezenas de personalidades famosas como: Fénelon, Victor Hugo, Braille, Voltaire. Foto Ismael Gobbo
http://www.noticiasespiritas.com.br/2019/JANEIRO/22-01-2019_arquivos/image020.jpg
François Fénelon *. Óleo sobre tela por Joseph Vivien.
Está sepultado no Panteão, em Paris, França.

François Fénelon, pseudônimo de François de Salignac de La Mothe-Fénelon (6 de agosto de 1651 - 7 de janeiro de 1715), também conhecido como ''o Cisne de Cambrai'', foi um teólogo católicopoeta e escritor francês, cujas ideias liberais sobre política e educação, esbarravam contra o "statu quo" da Igreja e do Estado dessa época. Pertenceu à Academia Francesa de Letras. (Wikipedia)


 O espírito Fénelon participou da obra da Codificação do Espiritismo através de mensagens que constam das obras básicas,
dentre elas “O Evangelho Segundo o Espiritismo”, assinado por Allan Kardec.
http://www.noticiasespiritas.com.br/2015/FEVEREIRO/26-02-2015_arquivos/image030.jpg
Busto de Victor Hugo * por Rodin.
Museu Rodin, Paris. Foto Ismael Gobbo

Victor-Marie Hugo (Besançon26 de fevereiro de 1802 — Paris22 de maio de 1885) foi um romancistapoetadramaturgoensaístaartistaestadista e ativista pelos direitos humanos francês de grande atuação política em seu país. É autor de Les Misérables e de Notre-Dame de Paris, entre diversas outras obras clássicas de fama e renome mundial.
Leia mais:

Victor Hugo está sepultado no Panteão, em Paris, França.

http://www.noticiasespiritas.com.br/2016/DEZEMBRO/16-12-2016_arquivos/image041.jpg
Busto de Luiz Lazaro Zamenhof, “Pai do Esperanto”, na Praça da República, São Paulo, Brasil.
Foto Ismael Gobbo
https://lh6.googleusercontent.com/proxy/2QIaGwMnRK9jj-MhZz8xPbFNWpxFvjRasG1PWf2Cu1UnhtZk8aRhJyqhHN6_Fh62p3DUhczGE69-gRXAcRrKpGz6EGZ_tZThCtgZRMjS9gLJpkxTs7d7F4nOsaJfOC17qzgM=s0-d
A Oração das Refeições. Óleo sobre tela de Fritz Von Uhde
http://www.noticiasespiritas.com.br/2019/FEVEREIRO/09-02-2019_arquivos/image013.jpg
Chico Xavier participando do Culto do Evangelho no Lar da família Perácio.
Imagem cedida por Oceano Vieira de Melo
A colheita do algodão em uma habitação da América do Sul. Revista “Le Monde Illustré”, 02 de abril de 1864.
http://www.noticiasespiritas.com.br/2017/SETEMBRO/25-09-2017_arquivos/image052.jpg
Monumento em homenagem aos trabalhadores da construção. Córdoba, Argentina. Foto Ismael Gobbo
http://www.noticiasespiritas.com.br/2018/AGOSTO/31-08-2018_arquivos/image010.jpg
Florence Nightingale, um anjo de misericórdia . Hospital Scutari 1855.
Imagem/fonte: 

terça-feira, 31 de março de 2020

BOLETIM DIÁRIO DE NOTÍCIAS DO MOVIMENTO ESPÍRITA. 01-04-2020.

CLICAR AQUI:
http://www.noticiasespiritas.com.br/2020/ABRIL/01-04-2020.htm

http://www.noticiasespiritas.com.br/2018/JANEIRO/11-01-2018_arquivos/image010.jpg

Marcellin Jobard

Jean-Baptiste-Ambroise-Marcellin Jobard (17 de maio de 1792 - 27 de outubro de 1861) foi um litógrafo belga, fotógrafo e inventor de origem francesa. Fundador do primeiro estabelecimento litográfico belga significativo, primeiro fotógrafo na Bélgica, em 16 de setembro de 1839, diretor do Museu da Indústria de Bruxelas (Museu da Indústria de Bruxelas) de 1841 a 1861. (Wikipedia)
http://www.noticiasespiritas.com.br/2017/AGOSTO/11-08-2017_arquivos/image011.jpg
São João Evangelista em Patmos. Óleo sobre tela por Diego Velázquez
Imagem/fonte: 
http://www.noticiasespiritas.com.br/2019/MARCO/05-03-2019_arquivos/image012.jpg
Erasto de Paneas.

Erasto (em grego : Ἔραστος , Erastos ), também conhecido como Erasto de Paneas , é uma pessoa no Novo Testamento . De acordo com a Epístola aos Romanos , Erasto era um administrador (em grego : οἰκονόμος , oikonomos ) em Corinto , um cargo político de alto status cívico. A palavra é definida como "o gerente do domicílio ou dos assuntos domésticos" ou, nesse contexto, "tesoureiro"; [1] A versão King James usa a tradução "chamberlain", enquanto a New International Versionusa "diretor de obras públicas". Uma pessoa chamada Erasto também é mencionada em 2 Timóteo e Atos , e essas menções são geralmente usadas para se referir à mesma pessoa.
De acordo com a tradição da Igreja Ortodoxa , Erasto está contado entre os Setenta Discípulos . Ele serviu como diácono e mordomo da Igreja em Jerusalém e depois de Paneas na Palestina. A Igreja lembra-se de São Erasto em 4 de janeiro entre os Setenta e em 10 de novembro.
Wikipédia
Restos arqueológicos do Templo de Pan escavado na rocha do Monte Hermon em  Banias. Israel. Foto Ismael Gobbo
Nas proximidades ficava a antiga cidade de Cesaréia de Filipe.


De acordo com a tradição da Igreja Ortodoxa , Erasto está contado entre os Setenta Discípulos . Ele serviu como diácono e mordomo da Igreja em Jerusalém e depois de Paneas na Palestina.


Banias (em árabe} pronuncia-se Panias) é um sítio arqueológico localizado no sopé do monte Hermon, nas colinas de Golã, a cerca de 150 km ao norte de Jerusalém e c. 60 km a sudoeste de Damasco. Ali havia uma cidade chamada, à época do Império RomanoCesareia de Filipe, situada junto às Fontes de Banias, uma das nascentes do rio Jordão.
Uma das nascentes do Rio Jordão em Banias no Monte Hermon. Israel. Foto Ismael Gobbo



De acordo com a tradição da Igreja Ortodoxa , Erasto está contado entre os Setenta Discípulos . Ele serviu como diácono e mordomo da Igreja em Jerusalém e depois de Paneas na Palestina.


Banias (em árabe} pronuncia-se Panias) é um sítio arqueológico localizado no sopé do monte Hermon, nas colinas de Golã, a cerca de 150 km ao norte de Jerusalém e c. 60 km a sudoeste de Damasco. Ali havia uma cidade chamada, à época do Império RomanoCesareia de Filipe, situada junto às Fontes de Banias, uma das nascentes do rio Jordão.

http://www.noticiasespiritas.com.br/2019/NOVEMBRO/14-11-2019_arquivos/image015.jpg
Lamennais. [impressão] / H. Monnier; Montigneul, [gravador] Monnier, Henry 

Depois da revolução de Julho de 1830, Lamennais, junto com Henri Dominique Lacordaire e Charles de Montalembert, além de um grupo entusiástico de escritores do Catolicismo Romano Liberal, fundou o jornal "L'Avenir". Neste periódico diário, defendia os princípios democráticos, a separação da Igreja do Estado, o que lhe criou embaraços tanto com a hierarquia eclesiástica francesa quanto com o governo do rei Luís Filipe de França.
Papa Gregório XVI desautorizou as opiniões de Lamennais na Encíclica "Mirari vos", em Agosto de 1831. Não houve uma citação específica a ele e nem a seu jornal, mas tão somente uma censura implícita a ambos. Inicialmente, Lamennais suspendeu a distribuição do jornal, submetendo-se; mais tarde deixou a Igreja e defendeu a própria posição na obra "Paroles d'un croyant" (Palavras de um crente), condenada explícitamente na Encíclica "Singulari nos", em Julho de 1834, sendo citados tanto o autor quanto a obra.
Incansável, ele se devotou à causa do povo, colocando sua pena a serviço do Republicanismo e do Socialismo. Escreveu obras como "O Livro do Povo" (1838), "Os afazeres de Roma" e "Esboço de uma Filosofia". Chegou a ser condenado à prisão mas, já em 1848 foi eleito para a Assembleia Nacional, aposentando-se em 1851.
Por ocasião de sua morte, não desejando se reconciliar com a Igreja, foi sepultado em uma cova de indigente.
Na obra O Evangelho Segundo o Espiritismo, de Allan Kardec, encontram-se mensagens atribuídas tanto a Lamennais quanto a Lacordaire. Também em O Livro dos Espíritos, obra espírita do mesmo autor, na questão 1009, pode-se encontrar uma mensagem atribuída a Lammenais.
Leia mais:
http://www.noticiasespiritas.com.br/2019/JANEIRO/11-01-2019_arquivos/image016.jpg
Paris vista do Cemitério Père Lachaise, à leste da cidade. Óleo sobre telapor  Louise-Joséphine Sarazin de Belmont
http://www.noticiasespiritas.com.br/2019/MAIO/20-05-2019_arquivos/image012.jpg
Página do jornal “Le Siècle” de 01-03-1854 noticiando a morte de Lamennais seu velório e enterro. Veja na segunda coluna “Nécrologie”..
http://www.noticiasespiritas.com.br/2019/ABRIL/25-04-2019_arquivos/image074.jpg
François-Nicolas-Madeleine Morlot (1795-1862) foi um arcebispo católico francês de Paris
Imagem/fonte:


Biografia:
Nasceu já no final do chamado Período do Terror da Revolução Francesa e início do Diretório. Sua formação eclesiástica foi realizada no Seminário de Dijon. Sua ordenação presbiteral deu-se a 27 de maio de 1820, aos 24 anos, já sob o reinado de Luís XVIII.
Foi vigário da Catedral de Paris, vigário geral da Arquidiocese de Paris e cônego da catedral.
Foi indicado para ser bispo de Orléans no dia 10 de março de 1839, pelo rei Luís Filipe e confirmado pelo Papa Gregório XVI no dia 8 de julho do mesmo ano. Recebeu a ordenação episcopal no dia 18 de agosto de 1839, em Paris, pelas mãos de Alexis-Basile Menjaud, bispo de Nancy e Toul. Foi promovido à sé metropolitana de Tours em 27 de janeiro de 1843.
No pontificado de Pio IX foi criado Cardeal presbítero no consistório de 7 de março de 1853, recebendo o chapéu vermelho no dia 27 de junho de 1853, com o título dos Santos Nereu e Aquileu.
Sua eminência foi designado Arcebispo de Paris em 1857, sua entrada solene na Catedral de Paris deu-se a 25 de abril de 1857.


François-Nicolas-Madeleine Morlot (1795-1862) foi um arcebispo católico francês de Paris. Atuou na Catedral Notre-Dame.
É um dos partícipes da Codificação Kardequiana através de mensagens publicadas. Veja em O Evangelho Segundo o Espiritismo.
http://www.noticiasespiritas.com.br/2019/MAIO/07-05-2019_arquivos/image019.jpg
Catedral Notre Dame. Paris, Franca. Foto Ismael Gobbo
Em Langres nasceu François-Nicolas-Madeleine Morlot (1795-1862) foi um arcebispo católico francês de Paris
http://www.noticiasespiritas.com.br/2019/NOVEMBRO/05-11-2019_arquivos/image010.jpg
Santo Agostinho. Óleo sobre tela de Antonio Rodríguez
Imagem/fonte:




Agostinho de Hipona (em latimAurelius Augustinus Hipponensis[2]), conhecido universalmente como Santo Agostinho, foi um dos mais importantes teólogos e filósofos nos primeiros séculos do cristianismo,[3] cujas obras foram muito influentes no desenvolvimento do cristianismo e filosofia ocidental. Ele era o bispo de Hipona, uma cidade na província romana da África. Escrevendo na era patrística, ele é amplamente considerado como sendo o mais importante dos Padres da Igreja no ocidente. Suas obras-primas são De Civitate Dei ("A Cidade de Deus") e "Confissões", ambas ainda muito estudadas atualmente.
Leia mais:
http://www.noticiasespiritas.com.br/2019/OUTUBRO/22-10-2019_arquivos/image011.jpg
Estátua de S. João Maria Vianney, O Cura d’Ars. Catedral de Montevidéu, Uruguai.
Foto Ismael Gobbo

João Batista Maria Vianney (DardillyRódano8 de maio de 1786 — Ars-sur-Formans4 de agosto de 1859) foi um sacerdote francês, canonizado pela Igreja Católica.[1] Foi nomeado padroeiro dos Párocos em 23 de abril de 1928.[2] Também é conhecido como o Santo Cura de Ars.
Leia mais:
Dardilly, França, cidade onde nasceu S. João Maria Vianney, O Cura d’Ars.
http://www.noticiasespiritas.com.br/2018/OUTUBRO/27-10-2018_arquivos/image008.jpg
Delphine de Girardin



Delphine de Girardin
Ela nasceu em Aachen e batizou Delphine Gay . Sua mãe, a conhecida Madame Sophie Gay , criou-a no meio de uma brilhante sociedade literária. Sua prima era a escritora Hortense Allart . [1] Gay publicou dois volumes de miscelânea, Essais poetiques (1824) e Nouveaux Essais poétiques (1825). Uma visita à Itália em 1827, durante a qual ela foi entusiasticamente recebida pelos letrados de Roma e até coroada na capital, produziu vários poemas, dos quais o mais ambicioso foi Napoline (1833).
O casamento de Delphine em 1831 com Émile de Girardin abriu uma nova carreira literária. Os esboços contemporâneos que ela contribuiu de 1836 a 1839 para o La Presse , sob o nome de pluma de Charles de Launay , foram coletados sob o título de Lettres parisiennes (1843) e obtiveram um sucesso brilhante. Contes d'une ville fille a ses neveux (1832), La Canne de Monsieur de Balzac (1836) e Il ne faut pas jouer à la douleur (1853) estão entre os mais conhecidos de seus romances; e suas peças dramáticas em prosa e verso incluem L'École des journalistes (1840), Judith (1843),Cléopâtre (1847), Lady Tartuffe (1853), e as comédias de um ato, C'est la faute du mari (1851), La Joie fait peur (1854), Le Chapeau d'un horloger (1854) e Une Femme qui deteste filho mari , que não apareceu até depois da morte do autor, que ocorreu em Paris.
Madame Girardin exerceu considerável influência pessoal na sociedade literária contemporânea, e em sua sala de visitas encontravam-se frequentemente Théophile Gautier , Honoré de Balzac , Alfred de Musset e Victor Hugo . Seus trabalhos coletados foram publicados em seis volumes (1860-1861).

Delphine de Girardin foi uma contemporânea em vida de Allan Kardec e que,  depois
de desencarnada,   ditou  mensagens  através  de médiuns   que  foram     inseridas na
Revista Espírita, em O Livro dos Médiuns e em O Evangelho Segundo o Espiritismo.
http://www.noticiasespiritas.com.br/2018/OUTUBRO/27-10-2018_arquivos/image009.jpg
Jornal “La Presse” de 01-07-1855 homenageia  Delphine de Girardin por ocasião de sua morte ocorrida no dia 29-06-1855.
http://www.noticiasespiritas.com.br/2018/MAIO/11-05-2018_arquivos/image009.jpg
Mesmer e seus discípulos Joseph Philippe François Deleuze et Armand Marie Jacques de Chastenet de Puységur
Imagem/fonte:

Franz Anton MesmerFriedrich Mesmer porém mais conhecido por Franz Mesmer ( /ˈmɛzmər/;[1] alemão: [ˈmɛsmɐ] Iznang23 de maio de 1734 — Meersburg5 de março de 1815) foi um médico suábio, linguista, advogadomúsico e fundador da teoria do magnetismo animal chamada Mesmerismo[2]. Devido às suas alegações parapsicológicas e outras consideradas pseudocientíficas [3] foi definido por alguns, um charlatão,[4][5][6][7][8][9] e ao mesmo tempo foi relatado como o percursor do primeiro movimento em larga escala a trazer atenção para o desenvolvimento do mundo acadêmico ocidental para os fenômenos paranormais[10][11] sendo assim muito respeitado por outros [12][13] .
Leia mais:
Detalhe da coluna mágica de Peter Lenk em Meersburg. Mostra o magnetizador Franz Anton Mesmer
em uma gaiola esférica com seus maiores oponentes.
Sepultura de Mesmer, no cemitério em Meersburg, Alemanha.
http://www.noticiasespiritas.com.br/2014/ABRIL/05-04-2014_arquivos/image015.jpg
Dólmen de Allan Kardec. O mais visitado e mais florido túmulo do Cemitério Pére Lachaise, em Paris, França.
Foto Ismael Gobbo
http://www.noticiasespiritas.com.br/2014/ABRIL/05-04-2014_arquivos/image016.jpg
Busto de Allan Kardec em seu túmulo no Cemitério Pére Lachaise. Paris, França. Foto Ismael Gobbo


Antonio Luiz Sayão

Nasceu na cidade do Rio de Janeiro a 12 de abril de 1829 e retornou à Espiritualidade no dia 31 de março de 1903, próximo a completar 74 anos de idade.


http://www.noticiasespiritas.com.br/2018/MAIO/03-05-2018_arquivos/image012.jpg
São Mateus e o anjo. Óleo sobre tela por Rembrandt.
Imagem/fonte:
Anencefalia
 Imagem que descreve um recém-nascido anencefálico As imagens são de domínio público e, portanto, isentas de restrições de direitos autorais. Por uma questão de cortesia, solicitamos que o provedor de conteúdo (Centros de controle e prevenção de doenças, Centro Nacional de defeitos congênitos e deficiências de desenvolvimento) seja creditado e notificado em qualquer uso público ou privado desta imagem.
http://www.noticiasespiritas.com.br/2015/AGOSTO/28-08-2015_arquivos/image022.jpg
A menina Marcela de Jesus com diagnóstico de Anencefalia teve 20 meses de vida extra-uterina. Autor: Cacilda Galante Ferreira
Arquivo pessoal da família de Cacilda Galante Ferreira

Anencefalia:
anencefalia é uma má formação rara do tubo neural, caracterizada pela ausência parcial do encéfalo e da calota craniana, proveniente de defeito de fechamento do tubo neural nas primeiras semanas da formação embrionária.
Ao contrário do que o termo possa sugerir, a anencefalia não caracteriza casos de ausência total do encéfalo, mas situações em que se observam graus variados de danos encefálicos. A dificuldade de uma definição exata do termo "baseia-se sobre o fato de que a anencefalia não é uma má-formação do tipo 'tudo ou nada', ou seja, não está ausente ou presente, mas trata-se de uma má-formação que passa, sem solução de continuidade, de quadros menos graves a quadros de indubitável anencefalia. Uma classificação rigorosa é, portanto quase que impossível".[1]
Leia mais: