BLOG DE NOTÍCIAS DO MOVIMENTO ESPÍRITA.....ARAÇATUBA- SP

Atenção

"AS AFIRMAÇÕES, INFORMAÇÕES E PARECERES PUBLICADOS NESTE BLOG SÃO DE RESPONSABILIDADE EXCLUSIVA DE QUEM OS ELABOROU, ASSINA E OS REMETEU PARA PUBLICAÇÃO. FICA A CRITÉRIO DO RESPONSAVEL PELO BLOG A PUBLICAÇÃO OU NÃO DAS MATÉRIAS, COMENTÁRIOS OU INFORMAÇÕES ENCAMINHADOS."

domingo, 20 de junho de 2021

BOLETIM DIÁRIO DE NOTÍCIAS DO MOVIMENTO ESPÍRITA. 21-06-2021.

CLICAR AQUI:

https://www.noticiasespiritas.com.br/2021/JUNHO/21-06-2021.htm

Anna Blackwell. Imagem/fonte

https://www.luzespirita.org.br/index.php?lisPage=enciclopedia&item=Anna%20Blackwell

ACESSE E LEIA NO LINK “ LUZ ESPÍRITA”  SOBRE ANNA BLACKWELL

Charles Fourier. Estampa Couturier, Philibert Léon (1823-1901). Lithographe

Imagem/fonte: https://gallica.bnf.fr/ark:/12148/btv1b530064983.item

 

 

François Marie Charles Fourier (Besançon7 de Abril de 1772 – Paris10 de Outubro de 1837) foi um socialista francês da primeira parte do século XIX, um dos pais do cooperativismo. Foi também um crítico ferino do economicismo e do capitalismo de sua época, e adversário da industrialização, da civilização urbana, do liberalismo e da família baseada no matrimônio e na monogamia.

O caráter jovial com que Fourier realizou algumas de suas críticas fez dele um dos grandes satíricos de todos os tempos. Propôs a criação de unidades de produção e consumo - as falanges ou falanstérios - baseadas em uma forma de cooperativismo integral e auto-suficiente, assim como na livre perseguição do que chamava paixões individuais e seu desenvolvimento, o que constituiria um estado que chamava harmonia. Neste sentido antecipa a linhagem do socialismo libertário dentro do movimento socialista, mas também em linhas críticas da moral burguesa e cristã, restritiva do desejo e do prazer - neste sentido, sendo também em um dos precursores da psicanálise.[1] Em 1808 Fourier já argumentava abertamente em favor da igualdade de gênero entre homens e mulheres, apesar da palavra feminismo só ter surgido em 1837.[2]

Entusiastas de suas ideias estabeleceram comunidades intencionais nas três Américas. O Falanstério do Saí em Santa Catarina e a Colônia Cecília no Paraná foram experiências práticas inspiradas por Fourier no Brasil, assim como La Réunion no Texas e a Falange Norte-americana em Nova Jersey, nos Estados Unidos.

Leia mais: https://pt.wikipedia.org/wiki/Charles_Fourier


O sonambulismo de Lady Macbeth. Óleo sobre tela de Henry Fuseli.

Imagem/fonte: https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Johann_Heinrich_F%C3%BCssli_030.jpg

 

Lady Macbeth é um dos principais personagens da tragédia Macbeth, escrita pelo dramaturgo inglês William Shakespeare c. 1603-1606.[1] Ela é a esposa do protagonista da obra, o nobre escocês Macbeth. Após convencê-lo a matar o rei Duncan, o casal Macbeth torna-se rei e rainha da Escócia, mas ela acaba severamente atormentada pela culpa. Morre na parte final da obra, aparentemente por suicídio.[1]

 

Leia mais:

https://pt.wikipedia.org/wiki/Lady_Macbeth


Livro:

Lettres à mon frère sur mes croyances religieuses et sociales

Acesse aqui:

https://books.google.com.br/books?id=Bo89AAAAYAAJ&hl=pt-BR


Quadro de Allan Kardec de grandes dimensões na Librairie et Editions Leymarie. Paris, França. Fonte: https://www.facebook.com/librairieleymarie/photos/a.1799741960063337/1799746110062922/?type=3&theater

Quadro retratando Frei Fabiano de Cristo.

Convento de Santo Antonio. Rio de Janeiro, Brasil. Foto Ismael Gobbo


Entrada da Baía e da cidade do Rio a partir do terraço do Convento de Santo Antonio em 1816.

Óleo sobre de tela de Nicolas Antoine Taunay. Museu Nacional de Belas Artes, Rio de Janeiro, Brasil.

Foto Ismael Gobbo

Os fariseus e os saduceus vêm para tentar Jesus por James Tissot ( Brooklyn Museum )

Imagem/fonte:

https://en.wikipedia.org/wiki/Sadducees#/media/File:Brooklyn_Museum_-_The_Pharisees_and_the_Saduccees_Come_to_Tempt_Jesus_(Les_pharisiens_et_les_saduc%C3%A9ens_viennent_pour_tenter_J%C3%A9sus)_-_James_Tissot_-_overall.jpg

 

Cristo na casa de Simão, o fariseu. Óleo sobre tela de Artus Wolffort.

Imagem/fonte: https://en.wikipedia.org/wiki/File:Artus_Wolffort_-_Christ_in_the_house_of_Simon_the_Pharisee.jpg


O menino Mozart.Pintura a óleo de anônimo , possivelmente por Pietro Antonio Lorenzoni (1721-1782)

Pintura encomendada por Leopold Mozart . Mozart tem seis anos. Ambas as crianças estão em trajes de corte que lhes foram dados em 1762 na Corte Imperial de Viena. O pintor as executou pintando primeiro os arredores e as roupas, e só então fazendo as crianças posarem.

Imagem/fonte: https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Wolfgang-amadeus-mozart_2.jpg

 

 

Wolfgang Amadeus Mozart (AFI[ˈvɔlfgaŋ amaˈdeʊs ˈmoːtsaʁt]batizado Johannes Chrysostomus Wolfgangus Theophilus Mozart;[nota 1] Salzburgo27 de janeiro de 1756 – Viena5 de dezembro de 1791) foi um prolífico e influente compositor austríaco do período clássico.

Mozart mostrou uma habilidade musical prodigiosa desde sua infância. Já competente nos instrumentos de teclado e no violino, começou a compor aos cinco anos de idade, e passou a se apresentar para a realeza europeia, maravilhando a todos com seu talento precoce. Chegando à adolescência, foi contratado como músico da corte em Salzburgo, porém as limitações da vida musical na cidade o impeliram a buscar um novo cargo em outras cortes, mas sem sucesso. Ao visitar Viena em 1781 com seu patrão, desentendeu-se com ele e solicitou demissão, optando por ficar na capital, onde, ao longo do resto de sua vida, conquistou fama, porém pouca estabilidade financeira. Seus últimos anos viram surgir algumas de suas sinfonias, concertos e óperas mais conhecidos, além de seu Requiem. As circunstâncias de sua morte prematura deram origem a diversas lendas. Deixou uma esposa, Constanze, e dois filhos.

Leia mais:

https://pt.wikipedia.org/wiki/Wolfgang_Amadeus_Mozart


Retrato do jovem Niccolò Paganini (França, coleção particular). Autor desconhecido.

Imagem/fonte: https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Niccol%C3%B2_Paganini_ritratto_giovanile.jpg

 

 

Niccolò Paganini (Gênova27 de outubro de 1782 — Nice27 de maio de 1840) foi um compositor, guitarrista e violinista italiano. É considerado o maior violinista da história, e um dos mais importantes expoentes da música do romantismo.

Leia mais:

https://pt.wikipedia.org/wiki/Niccol%C3%B2_Paganini

Victor Hugo em 1829. litografia em chine collé. Artista: Achille Jacques-Jean-Marie Devéria

Imagem/fonte:

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Achille_Dev%C3%A9ria,_Victor_Hugo,_1829,_NGA_208390.jpg

 

 

Victor-Marie Hugo (Besançon26 de fevereiro de 1802 — Paris22 de maio de 1885) foi um romancistapoetadramaturgoensaístaartistaestadista e ativista pelos direitos humanos francês de grande atuação política em seu país. É autor de Les Misérables e de Notre-Dame de Paris, entre diversas outras obras clássicas de fama e renome mundial.

Leia mais:

https://pt.wikipedia.org/wiki/Victor_Hugo


Moisés aparece na Transfiguração de Jesus. Pintura por Carl Heinrich Bloch.

Imagem/fonte: https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/1/15/Transfigurationbloch.jpg


Jesus falando com Nicodemos. Obra de William Brassey

Imagem/fonte: http://en.wikipedia.org/wiki/Nicodemus#/media/File:William_Brassey_Hole_Nicodemus.jpg

 

No diálogo de Jesus com Nicodemos falou o Mestre: "Ninguém pode ver o reino de Deus, se não nascer de novo." (João, 3,1-8) 

 Ecce homo. Obra de Mihály Munkácsy

Imagem/fonte: https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Munk%C3%A1csy_Ecce_Homo_part.JPG


Cristo aparece a Maria Madalena. Óleo sobre tela de Pietro da Cortona.

Imagem/fonte: https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Pietro_da_Cortona_-_Cristo_appare_a_Maria_Maddalena.jpg


Quadro: A Ascensão de Cristo. Óleo no painel por Benvenuto Tisi da Garofalo.

Fonte:. https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Benvenuto_Tisi_da_Garofalo_-_Ascension_of_Christ_-_WGA08474.jpg

O famoso médium Daniel Dunglas Home. Imagem BNF/Gallica.

Imagem/fonte: http://gallica.bnf.fr/ark:/12148/btv1b53050325z

O jornal mensal “Le Chercheur”, de Paris, França, 01/1888,  traz ilustração de Daniel Dunglas Home levitando.

Imagem/fonte: http://gallica.bnf.fr/ark:/12148/bpt6k96914488.texteImage


O médium Daniel Dunglas Home levitando.

Imagem/fonte: https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Daniel-Dunglas-Home-levitation.jpg




sexta-feira, 18 de junho de 2021

BOLETIM DIÁRIO DE NOTÍCIAS DO MOVIMENTO ESPIRITA. 19-07-2021.

CLICAR AQUI:

https://www.noticiasespiritas.com.br/2021/JUNHO/19-06-2021.htm


Manuel González Soriano. Imagem/fonte: Autores Espíritas Clássicos

Leia aqui:

http://www.autoresespiritasclassicos.com/Autores%20Espiritas%20Classicos%20%20Diversos/Manuel%20Gonzalez%20Soriano/Manuel%20Gonz%C3%A1lez%20Soriano.htm

Vista panorâmica de Ciudad Real, Espanha. De acordo com um desenho de Juan Francisco Leonardo. Corresponde a um detalhe do Mapa do Arcebispado de Toledo, impresso por iniciativa do Arcebispo Luis Manuel Fernández de Portocarrero. 1687.

Copiado de: https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Juan_Francisco_Leonardo_(1687)_Mapa_del_arzobispado_de_Toledo._Ciudad_Real.png

Estátua de Miguel de Cervantes

Plaza de Cervantes (Ciudad Real). Imagem/autor: Zarateman

Copiado de: https://pt.wikipedia.org/wiki/Cidade_Real

Pintura da ponte romana de Salamanca de Harry Fenn e J. Godfrey em 1860, na obra Europa Pitoresca

Imagem/fonte: https://en.wikipedia.org/wiki/Roman_bridge_of_Salamanca

François Fénelon *. Óleo sobre tela por Joseph Vivien.

Imagem/fonte: https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Fran%C3%A7ois_de_Salignac_de_la_Mothe-F%C3%A9nelon.PNG

 

 

 

François Fénelon, pseudônimo de François de Salignac de La Mothe-Fénelon (6 de agosto de 1651 - 7 de janeiro de 1715), também conhecido como ''o Cisne de Cambrai'', foi um teólogo católicopoeta e escritor francês, cujas ideias liberais sobre política e educação, esbarravam contra o "statu quo" da Igreja e do Estado dessa época. Pertenceu à Academia Francesa de Letras. (Wikipedia)

 

 

 O espírito Fénelon participou da obra da Codificação do Espiritismo através de mensagens que constam das obras básicas,  dentre elas “O Evangelho Segundo o Espiritismo”, assinado por Allan Kardec.

Allan Kardec - Codificador do Espíritismo. Nasceu em Lião, França, aos 3 de outubro de 1804

Imagem/fonte: 

https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/1/12/Hippolyte_L%C3%A9on_Denizard_Rivail2.jpg

O Bom Samaritano. Guache sobre grafite em papel tecido cinza. Imagem/fonte:

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Brooklyn_Museum_-_The_Good_Samaritan_(Le_bon_samaritain)_-_James_Tissot.jpg

Más notícias. Óleo sobre tela de James Tissot.

Imagem/fonte: https://pt.m.wikipedia.org/wiki/Ficheiro:James_Tissot_-_Bad_News.jpg

Esperança. Óleo e têmpera sobre madeira por Piero del Pollaiolo.

Imagem/fonte: https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Piero_del_Pollaiolo_hope.jpg

Ilustração de Caridade. Imagem/fonte:

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Charity_to_Street_Arab.jpg

Ilustração do livro: Needham, Geo C. "Street Arabs and Gutter Snipes"

Homens semeando sementes. Llyfrgell Genedlaethol Cymru / Biblioteca Nacional do País de Gales / Cymru

Imagem/fonte: https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Men_sowing_seed_(3465701854).jpg

                                          Plantação de milho. Foto: Ismael Gobbo.

Espineta Bentside construída por Clavecins Rouaud, Paris. Imagem/autor: Rouaud

 Retrato de Wolfgang Amadeus Mozart aos 13 anos em Verona, 1770; Escola de Verona, atribuída a

Cristo e a mulher adúltera. Óleo no cobre por Pieter van Lint.

Imagem/fonte: https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Cristo_y_la_mujer_adultera.jpg

O apedrejamento de Santo Estêvão. Óleo em painel de carvalho por Rembrandt

Imagem/fonte:

 https://en.wikipedia.org/wiki/The_Stoning_of_Saint_Stephen#/media/File:Rembrandt-Lapidation-Saint-%C3%89tienne-MBA-Lyon.jpg

 

A conversão de São Paulo. Óleo sobre tela por Luca Giordano.

Imagem/fonte: 

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:La_conversion_de_Saint_Paul_Giordano_Nancy_3018.jp


A conversão de Santo Agostinho. Óleo sobre tela de Charles-Antoine Coypel.

Imagem/fonte:

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Ch%C3%A2teau_de_Versailles,_petit_appartement_de_la_reine_(1er_%C3%A9tage),_La_Conversion_de_saint_Augustin,_Charles-Antoine_Coypel_(1736).jpg


Santo Agostinho e Santa Mônica. Óleo sobre tela de Ary Scheffer 

Imagem/fonte: https://en.wikipedia.org/wiki/Saint_Monica





quinta-feira, 17 de junho de 2021

BOLETIM DIÁRIO DE NOTÍCIAS DO MOVIMENTO ESPÍRITA. 18-06-2021.

CLICAR AQUI:

https://www.noticiasespiritas.com.br/2021/JUNHO/18-06-2021.htm


Madonna e Santos. Painel de Francesco Francia.

Alaúde e viola da era renascentista, retratados em um detalhe de uma pintura de Francesco Francia

Copiado de https://en.wikipedia.org/wiki/Early_music


La cena del ricco Epulone (O Banquete do Glutão Rico). Óleo sobre tela de Mattia Preti. Por volta de 1665.

Imagem/fonte: https://ao.wikiqube.net/wiki/The_Banquet_of_the_Rich_Glutton

Leia no link.

O Vale das Lágrimas. Óleo sobre tela de Gustave Doré

Imagem/fonte: https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Gustave_Dor%C3%A9_-_La_Vall%C3%A9e_de_larmes.jpg


Representação do século XVIII dos quatro temperamentos, [1] Fleumático e colérico acima, Sanguíneo

 e melancólico abaixo. Fonte: https://en.wikipedia.org/wiki/Four_temperaments#/media/File:Lavater1792.jpg


 

Temperos coléricos, sanguíneos, melancólicos e fleumáticos: 17c., Parte do Grande Comando

Fonte: https://en.wikipedia.org/wiki/Four_temperaments

Antropofagia no Brasil segundo a descrição de Hans Staden.

Canibais. Autor: Theodor de Bry. Século XVI.

Imagem/fonte:

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Theodor_de_Bry_-_Canibais.jpg

 

 

Antropofagia é um ato ritual de comer uma ou várias partes de um ser humano. Os povos que praticavam esse ritual faziam pensando que, assim iriam ter a vingança do seu povo morto pelo bando do prisioneiro. O sentido etimológico original da palavra "antropófago" (do grego anthropos, "homem" e phagein, "comer") foi sendo substituído pelo seu uso comum, que designa o caso particular de canibalismo na espécie humana.[1] Por sua realização em contexto mágico cerimonial ou patológico, não deve ser classificada ou compreendida como um hábito alimentar, o que não se aplica ao canibalismo, na maioria das vezes associado ao comportamento predatório. Observa-se também que muitos autores utilizam esses termos indistintamente.

Leia mais:

https://pt.wikipedia.org/wiki/Antropofagia

Marco Aurélio demonstra sua clemência para com os bárbaros.

Imagem/fonte: https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Marco_aurelio_e_barbaros_-_museus_capitolinos.jpg

O Imperador Marco Aurélio (161-180 dC) mostra sua clemência contra os vencidos após seu sucesso contra as tribos germânicas. Baixo-relevo do Arco de Marco Aurélio, Roma, agora no Museu Capitolino em Roma..

 

Jantar na casa de Simão, o fariseu. Óleo sobre tela por  Moretto da Brescia.

Imagem/fonte: https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Cena_in_casa_di_Simone_in_fariseo_(Moretto).jpg

Jesus Cristo entre dois ladrões. Óleo sobre madeira por Peter Paul Rubens.

Imagem/fonte:

 https://pt.wikipedia.org/wiki/Ficheiro:Peter_Paul_Rubens_-_Christ_on_the_Cross_between_the_Two_Thieves_-_WGA20235.jpg

A visão de Jesus a partir da cruz em aquarela por James Tissot.

Imagem/fonte: https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Asseenfromthecross-vi.jpg

Lamentação sobre o Cristo morto (ou Pietá). Óleo sobre tela de Jacopo Tintoretto.

Museu de Arte de São Paulo Assis Chateaubriand. São Paulo, Brasil. Foto Ismael Gobbo

Cristo aparecendo a Maria Madalena, 'Noli me tangere'. Óleo sobre tela de Rembrandt. Imagem/fonte:

https://pt.wikipedia.org/wiki/Ficheiro:Rembrandt_Christ_Appearing_to_Mary_Magdalene,_%E2%80%98Noli_me_tangere%E2%80%99.jpg

Os Discípulos de Emaús. Óleo no painel de Abraham Bloemaert 

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Bloemaert_Emmaus.jpg


 

Herma do filósofo grego Pitágoras* . Cópia romana de original grego. Museus Capitolinos, Roma, Itália, em exposição no Coliseu. Foto por Ismael Gobbo aos 23-12-2012.


A Via Láctea. O objeto brilhante é Júpiter na constelação de Sagitário.

Imagem/fonte: https://en.wikipedia.org/wiki/Milky_Way#/media/File:Milky_Way_Arch.jpg

 

Mais informações no Link

Via Láctea atrás de uma árvore.

Imagem/fonte: https://commons.wikimedia.org/wiki/File:MilkyWay_behind_Tree_2.jpg


Sirius A e B. Foto: Hubble

Esta imagem do Telescópio Espacial Hubble mostra Sirius A, a estrela mais brilhante em nosso céu noturno, junto com seu companheiro estelar, Sirius B. Os astrônomos superexpuseram a imagem de Sirius A [no centro] de modo que o escuro Sirius B [minúsculo ponto no canto inferior esquerdo] pode ser visto. Os picos de difração em forma de cruz e os anéis concêntricos ao redor de A *, e o pequeno anel ao redor de Sirius B, são artefatos produzidos no sistema de imagem do telescópio. As duas estrelas giram em torno uma da outra a cada 50 anos. Sirius A, a apenas 8,6 anos-luz da Terra, é o quinto sistema estelar mais próximo conhecido. A imagem foi obtida com a Wide Field Planetary Camera 2 do Hubble.

Fonte: http://www.spacetelescope.org/images/heic0516a/

Autor: NASA, ESA, H. Bond (STScI) e M. Barstow (University of Leicester) 
Copiado de:  https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Sirius_A_and_B_Hubble_photo.jpg

 

Hubble Ultra Deep Field

O Hubble Ultra Deep Field , é uma imagem de uma pequena região do espaço na constelação de Fornax, composta de dados do Telescópio Espacial Hubble acumulados ao longo de um período de 3 de setembro de 2003 a 16 de janeiro de 2004. O pedaço de céu em que o galáxias residem foi escolhido porque tinha uma baixa densidade de estrelas brilhantes no campo próximo.

Fonte: http://hubblesite.org/newscenter/archive/releases/2004/07/image/a/warn/

Autor: NASA e a Agência Espacial Europeia. Editado por Noodle snacks

Copiado de: https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Hubble_ultra_deep_field_high_rez_edit1.jpg


Por do Sol na cidade de São Paulo tendo ao fundo o Pico do Jaraguá. Foto Ismael Gobbo


Camille Flammarion em seu observatório de Juvisy-sur-Orge (1880).

Imagem/fonte: https://pt.wikipedia.org/wiki/Camille_Flammarion

 

Nicolas Camille Flammarion, mais conhecido como Camille Flammarion (Montigny-le-Roi26 de fevereiro de 1842 — Juvisy-sur-Orge3 de junho de 1925), foi um astrônomopesquisador psíquico e divulgador científico francês. Importante pesquisador e popularizador da astronomia, recebeu notórios prêmios científicos e foi homenageado com a nomenclatura oficial de alguns corpos celestes. Sua carreira na pesquisa e popularização de fenômenos paranormais também é bastante notória.[1][2][3][4]

Seu irmão Ernest Flammarion foi o fundador das Edições Flammarion[5].

 

Leia mais:

https://pt.wikipedia.org/wiki/Camille_Flammarion


Uma mesa levita na frente de testemunhas durante uma sessão espírita com a médium Eusapia Palladino na casa do astrônomo Camille Flammarion na França em 25 de novembro de 1898.

Imagem/fonte: https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Eusapia-Palladino-levitation--table.jpg

Retrato de Bezerra de Menezes. Autor desconhecido.  Por volta de 1880.

Imagem/fonte: https://pt.wikipedia.org/wiki/Bezerra_de_Menezes

 

 

 Adolfo Bezerra de Menezes Cavalcanti (Riacho do Sangue29 de agosto de 1831 — Rio de Janeiro11 de abril de 1900), mais conhecido como Bezerra de Menezes, foi um médicomilitarescritorjornalistapolíticofilantropo e expoente da Doutrina Espírita. Foi alcunhado como "O Médico dos Pobres".

Leia mais:

https://pt.wikipedia.org/wiki/Bezerra_de_Menezes

Dra. Marlene Nobre,  médica e um dos mais destacados vultos do movimento espirita brasileiro e internacional.

Leia aqui:

http://ismaelgobbo.blogspot.com/2010/04/focalizando-o-trabalhador-espirita_12.html

Sanatório Espírita. Uberaba, MG. Foto  Ismael Gobbo