BLOG DE NOTÍCIAS DO MOVIMENTO ESPÍRITA.....ARAÇATUBA- SP

Atenção

"AS AFIRMAÇÕES, INFORMAÇÕES E PARECERES PUBLICADOS NESTE BLOG SÃO DE RESPONSABILIDADE EXCLUSIVA DE QUEM OS ELABOROU, ASSINA E OS REMETEU PARA PUBLICAÇÃO. FICA A CRITÉRIO DO RESPONSAVEL PELO BLOG A PUBLICAÇÃO OU NÃO DAS MATÉRIAS, COMENTÁRIOS OU INFORMAÇÕES ENCAMINHADOS."

sexta-feira, 29 de maio de 2020

BOLETIM DIÁRIO DE NOTÍCIAS DO MOVIMENTO ESPÍRITA. 30-05-2020.

CLICAR AQUI:
http://www.noticiasespiritas.com.br/2020/MAIO/30-05-2020.htm

[Recueil. Portraits d'Hippolyte Léon Denizard Rivail, dit Allan-Kardec (XIXe s.)]
Retrato de Hippolyte  Léon Denizard Rivail. Allan Kardec.
Retrato de  Amélie Gabrielle Boudet , Sra. Allan Kardek, realizado por volta de 1860.

Amélie-Gabrielle Boudet (Thiais, Departamento do Sena, 23 de novembro de 1795 - Paris21 de janeiro de 1883) foi uma professora e artista plástica francesa, esposa de Allan Kardec, codificador da Doutrina Espírita.
Leia mais:
http://www.noticiasespiritas.com.br/2019/ABRIL/18-04-2019_arquivos/image033.jpg
O Livro dos Espíritos, cuja primeira edição foi lançada em 18 de abril de 1857,
assinado por Allan Kardec, fez surgir a Doutrina Espírita.
Imagem Wikipedia
Placa afixada pela Prefeitura de Paris na parte posterior do túmulo de Allan Kardec e de sua
Esposa Amélie Gabriele Boudet. Cemitério Pére Lachaise, Paris, França. Foto Ismael Gobbo
Boulevard de Ménilmontant com o Cemitério Père Lachaise à esquerda. . Paris, França. Foto Ismael Gobbo.
Turista orando com a mão sobre o busto em bronze de Allan Kardec. Cemitério Père Lachaise. Paris, França.
Foto Ismael Gobbo
http://www.noticiasespiritas.com.br/2019/MAIO/28-05-2019_arquivos/image018.jpg
Obras de arte relembrando Kardec e Amélie. Acervo do CEI
Recebido de Elsa Rossi
http://www.noticiasespiritas.com.br/2017/JUNHO/20-06-2017_arquivos/image011.jpg
Foto da Villa de Ségur. Paris, França. Allan Kardec cogitava mudar-se
para a região quando desencarnou a 31 de março de 1869.  Foto Ismael Gobbo
http://www.noticiasespiritas.com.br/2014/ABRIL/02-04-2014_arquivos/image009.jpg
Placa indicativa da Villa de Ségur. Paris, França. Foto Ismael Gobbo
https://temporecord.files.wordpress.com/2012/04/image0273.jpg?w=764
Paris, França, a cidade berço do Espiritismo, onde foi lançado “O Livro dos Espíritos” em 18/4/1857. Foto Ismael Gobbo.
A trajetória do Rio Sena desde a região de Bercy, no alto, até a Ponte das Almas, abaixo, á esquerda
File:Brésil 1957 timbre Allan Kardec.jpg

Correios do Brasil. Selo comemorativo do 1º. Centenário da Codificação do Espiritismo.

http://www.noticiasespiritas.com.br/2019/ABRIL/22-04-2019_arquivos/image015.jpg
Estudo para Jesus em Cafarnaum (1885). Óleo sobre tela de Rodolpho Amoêdo
Pinacoteca do Estado de São Paulo. São Paulo. Foto Ismael Gobbo
http://www.noticiasespiritas.com.br/2018/NOVEMBRO/22-11-2018_arquivos/image054.jpg
A Caridade. Óleo sobre tela por João Zeferino da Costa. Museu Nacional de Belas Artes. Rio de Janeiro, Brasil. Foto Ismael Gobbo.



*************************

Vídeo com Rener Cunha
 Refletindo com Joanna (48)
Acesse aqui:


*************************

Plantação de Sorgo. Foto Ismael Gobbo
Coruja em passeio tomando o  sol da manhã e cuidando do ninho. Fotos  Ismael Gobbo

coruja-buraqueira[1] (Athene cunicularia[2] ou Speotyto cunicularia[3]), também chamada caburé-do-campo[1][4]coruja-da-praia, coruja-do-campo[1][4]coruja-mineira[1]corujinha-buraqueira[1][4]corujinha-do-buraco[1][4]guedé[1][4]uiracuieruiracuirurucuera[1]urucureia[1] e urucuriá[1], recebe o nome de "buraqueira" por viver em buracos cavados no solo. Embora seja capaz de cavar seu próprio buraco, prefere os buracos abandonados de outros animais, como os dos tatus. É uma coruja terrícola e de hábitos diurnos, embora tenda a evitar o calor do meio-dia. Ocorre do Canadá à Terra do Fogo, bem como em quase todo o Brasil, mas com a exceção da Amazônia. Tais aves chegam a medir até 27 centímetros de comprimento. Vivem, no mínimo, nove anos em habitat selvagem e dez em cativeiro. Coloca geralmente de seis a doze ovos. Costumam viver em campospastosrestingasdesertosplaníciespraias e aeroportos. Os predadores documentados dessa coruja incluem texugosserpentes e doninhas.

http://www.noticiasespiritas.com.br/2013/NOVEMBRO/05-11-2013_arquivos/image004.jpg
The Rose Garden – Hyde Park, . Londres, Reino Unido. Foto Matheus Gobbo (Hitchin, UK)
http://www.noticiasespiritas.com.br/2013/NOVEMBRO/05-11-2013_arquivos/image014.jpg
Árvore no Jardim do Palácio de São Cristovão na  Quinta da Boa Vista. Rio de Janeiro, Brasil. Foto Ismael Gobbo

Livro: “Joana D´Arc médium” por Léon Denis. Edição em francês.
Joana d´Arc médium em português. FEB-Federação Espírita Brasileira
Casa onde nasceu  Joana d´Arc em Domrémy. França.
Joana D’Arc – 1883. Óleo sobre tela de Pedro Américo.
Museu Nacional de Belas Artes. Rio de Janeiro, Brasil. Foto Ismael Gobbo
Estátua equestre dourada de Joana D’Arc,  na Praça das Pirâmides, em Paris, França. Foto Ismael Gobbo
Joana D’Arc. Quadro de Jules Bastien Lepage
Joana D’Arc. Óleo sobre madeira por Dante Gabriel Rossetti.
Lugar onde Joana d'Arc foi queimada na fogueira no Mercado Velho em Rouen.

Jeanne d'Arc é um filme curto e silencioso sobre Joana d'Arc. O filme medieval, lançado em 1900, foi escrito e dirigido por Georges Méliès. É um dos primeiros filmes a cores. Este é um quadro imóvel perto do final do filme.

quinta-feira, 28 de maio de 2020

BOLETIM DIÁRIO DE NOTÍCIAS DO MOVIMENTO ESPÍRITA. 29-05-2020.

CLICAR AQUI:


http://www.noticiasespiritas.com.br/2019/MAIO/15-05-2019_arquivos/image009.jpg
Palays Royal, Paris, França. No interior  do edifício doe século XVII, na Galeria de Valois, funcionou
por um ano a Sociedade Parisiense de Estudos Espíritas. Foto Ismael Gobbo
http://www.noticiasespiritas.com.br/2019/MAIO/15-05-2019_arquivos/image010.jpg
Galeria de Valois no Palacio Royal onde funcionou a Sociedade Parisiense de Estudos Espíritas
durante um ano: 01-04-1858 a 01-04-1859
http://www.noticiasespiritas.com.br/2019/MAIO/15-05-2019_arquivos/image011.jpg
Imagens/fonte: 
http://www.noticiasespiritas.com.br/2019/MAIO/15-05-2019_arquivos/image012.jpg
Quadro de Allan Kardec de grandes dimensões na Librairie et Editions LeymarieParis, França.
http://www.noticiasespiritas.com.br/2019/FEVEREIRO/28-02-2019_arquivos/image010.jpg
Allan Kardec, codificador do Espiritismo e a capa de “O Livro dos Espíritos”, obra básica
lançada aos 18 de abril de 1857.

http://www.noticiasespiritas.com.br/2018/FEVEREIRO/27-02-2018_arquivos/image066.jpg
Dias da Cruz
Imagem:


http://www.noticiasespiritas.com.br/2018/FEVEREIRO/27-02-2018_arquivos/image067.jpg
Prédio da antiga Faculdade Nacional de Medicina da Universidade do Brasil, atual UFRJ.
Imagem/fonte:

http://www.noticiasespiritas.com.br/2018/FEVEREIRO/27-02-2018_arquivos/image068.jpg
Prédio histórico da Federação Espírita Brasileira na cidade do Rio de Janeiro
Imagem: Jornal Unificação, USE/SP, setembro/1960, pag. 5
File:Ascaris lumbricoides.jpeg
Adulto de Ascaris lumbricoides . Características diagnósticas: extremidades cônicas; comprimento 15 a 35 cm (as fêmeas tendem a ser as maiores). Este verme é uma fêmea, como evidenciado pelo tamanho e cintura genital (o sulco circular escuro na área inferior da imagem).


Ascaridíase é uma doença parasitária causada pelo verme nematoda Ascaris lumbricoides, denominado popularmente lombriga. As infecções são assintomáticas em mais de 85% dos casos, especialmente se o número de vermes for muito pequeno.[1] Os sintomas são mais evidentes em função do número de vermes presente.[1] No início da doença, os sintomas mais comuns são falta de ar e febre.[1] À medida que o número de vermes aumenta podem seguir-se sintomas de inchaço abdominal, dor abdominal, e diarreia.[1] As crianças são habitualmente as mais afectadas, e neste grupo etário a infecção pode também dificultar o aumento de peso, provocar desnutrição e problemas de aprendizagem.[1][2][5]

Leia mais:

http://www.noticiasespiritas.com.br/2018/OUTUBRO/02-10-2018_arquivos/image019.jpg
Aquarela de James Tissot ilustrando o episódio em que Jesus cura  um “endemoniado”,
com os porcos se precipitando  mar.
Imagem/fonte: 

http://www.noticiasespiritas.com.br/2015/MAIO/18-05-2015_arquivos/image004.jpg
Chico Xavier participando do Culto do Evangelho no Lar da família Perácio.
Imagem cedida por Oceano Vieira de Melo
Este quadro de Pavel Fedotov mostra uma morte por cólera em meados do século XIX.


terceira pandemia de cólera (1846-60) foi o terceiro grande surto de cólera com origem na Índia no século XIX e que se alastrou muito para além das suas fronteiras. Investigadores da UCLA acreditam que o surto pode ter começado em 1837 e durado até 1863.[1] Na Rússia, mais de um milhão de pessoas morreram de cólera. Entre 1853 e 1864, a epidemia em Londres ceifou mais de 10.000 vidas e houve mais de 23.000 mortes em toda a Grã-Bretanha. Esta pandemia foi a que provocou mais mortos no século XIX.[2]
Hospital de emergência durante a epidemia de gripe, Camp Funston, Kansas.
Hospital de emergência durante a epidemia de gripe (NCP 1603), Museu Nacional de Saúde e Medicina.
Descrição: Camas com pacientes em um hospital de emergência em Camp Funston, Kansas, no meio da epidemia de gripe. A gripe ocorreu enquanto a América estava em guerra e foi transportada através do Atlântico em navios de tropas.
Data: cerca de 1918



Gripe espanhola
gripe espanhola,[nota 1] também conhecida como gripe de 1918,[nota 2] foi uma vasta e mortal pandemia do vírus influenza. De janeiro de 1918 a dezembro de 1920, infectou 500 milhões de pessoas, cerca de um quarto da população mundial na época.[5] Estima-se que o número de mortos esteja entre 17 milhões[6] e 50 milhões, e possivelmente até 100 milhões, tornando-a uma das epidemias mais mortais da história da humanidade.[7][8] A gripe espanhola foi a primeira de duas pandemias causadas pelo influenzavirus H1N1, sendo a segunda ocorrida em 2009.[9]

Leia mais:
Esta ilustração, criada no Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC), revela a morfologia ultra-estrutural exibida pelos coronavírus. Observe os picos que adornam a superfície externa do vírus, que conferem a aparência de uma coroa ao redor do virion, quando vistos eletronicamente por microscopia. Um novo coronavírus, denominado Síndrome Respiratório Agudo Grave 2 (SARS-CoV-2), foi identificado como a causa de um surto de doença respiratória detectado pela primeira vez em Wuhan, China em 2019. A doença causada por esse vírus foi denominada doença de coronavírus 2019 (COVID-


Este artigo documenta a cronologia e epidemiologia do vírus SARS-CoV-2[1] responsável pela pandemia de COVID-19 e poderá não incluir todas as respostas e medidas mais importantes. Para além disso, alguns desenvolvimentos poderão tornar-se conhecidos ou totalmente compreendidos apenas em retrospectiva.[2]
Copiado de

Militares do Comando Conjunto do Planalto realizam uma desinfecção do Aeroporto Internacional de Brasília.
Na terça-feira, 14 de abril de 2020, o Comando Conjunto Planalto realiza a desinfecção do Aeroporto Internacional de Brasília, oferecendo ações de prevenção e enfrentamento ao coronavírus em locais de grande circulação de passageiros.
Uma ação com militares do Exército Brasileiro, que compõem o Comando Conjunto Planalto, vestidos com roupas específicas para desinfecção, usam hipoclorito de sódio - água sanitária -, álcool isopropílico 90%, fenóis e derivados, álcool 70%, além de água e sabão, aplicação com jatos especiais. O acesso às áreas ficou interditado durante a limpeza. (Leopoldo Silva / Agência Senado)
Copiado de:
Dança de Salomé. Pintura por Armand Point.
http://www.noticiasespiritas.com.br/2019/NOVEMBRO/06-11-2019_arquivos/image011.jpg
Salomé com a cabeça de João Batista. Óleo sobre tela de Caravaggio.
Imagem/fonte:




E Jesus, respondendo, disse-lhes: Em verdade Elias virá primeiro, e restaurará todas as coisas;
Mas digo-vos que Elias já veio, e não o conheceram, mas fizeram-lhe tudo o que quiseram. Assim farão eles também padecer o Filho do homem.
Então entenderam os discípulos que lhes falara de João o Batista.
Mateus 17:11-13



O Espírito Amélia Rodrigues no livro Primicias do Reino, psicografado por Divaldo Pereira Franco,
diz-nos  que João Batista teria sido a reencarnação do profeta Elias.  A decaptação sofrida por
João seria  um resgate por, quando Elias,  ter determinado a morte dos sacerdotes de Baal.
Estátua representando o profeta Elias em gruta no Mosteiro Carmelita Stella Maris. Haifa, Israel. 
Foto Ismael Gobbo.
http://www.noticiasespiritas.com.br/2019/DEZEMBRO/05-12-2019_arquivos/image009.jpg
Elias revivendo o filho da viúva de Sarepta * . Pintura de Louis Hersent.


* Veja em:  1 Reis 17.
http://www.noticiasespiritas.com.br/2017/JULHO/27-07-2017_arquivos/image011.jpg
São João Batista e os fariseus. Aquarela por James Tissot

*******************
Jesus Cristo afirmou que João Batista (2 a.C. – 27 d.C)  foi
a volta do profeta Elias (séc. IX a.C.).

Em verdade vos digo que, entre os que de mulher têm nascido, não apareceu alguém maior do que João o Batista; mas aquele que é o menor no reino dos céus é maior do que ele.
E, desde os dias de João o Batista até agora, se faz violência ao reino dos céus, e pela força se apoderam dele.
Porque todos os profetas e a lei profetizaram até João.
E, se quereis dar crédito, é este o Elias que havia de vir.
Quem tem ouvidos para ouvir, ouça.
Mateus 11:11-15

DSC00769
Os belissimos jardins e Templo Bahai no Monte Carmelo em Haifa, Israel. Foto Ismael Gobbo
Elias enfrentou os Profetas de Baal no Monte Carmelo.

http://www.noticiasespiritas.com.br/2019/MARCO/27-03-2019_arquivos/image013.jpg
Estudo para Jesus e Nicodemos por Henry Ossawa Tanner.

No diálogo de Jesus com Nicodemos falou o Mestre: "Ninguém pode ver o reino de Deus, se não nascer de novo." (João, 3,1-8)  
Pedra que encima o dólmen de Allan Kardec no Cemitério Père Lachaise em Paris, França. Foto: Laura Emilia Michelin Gobbo

Dizeres: “Nascer, morrer, renascer ainda e progredir sem cessar, tal é a lei”