BLOG DE NOTÍCIAS DO MOVIMENTO ESPÍRITA.....ARAÇATUBA- SP

Atenção

"AS AFIRMAÇÕES, INFORMAÇÕES E PARECERES PUBLICADOS NESTE BLOG SÃO DE RESPONSABILIDADE EXCLUSIVA DE QUEM OS ELABOROU, ASSINA E OS REMETEU PARA PUBLICAÇÃO. FICA A CRITÉRIO DO RESPONSAVEL PELO BLOG A PUBLICAÇÃO OU NÃO DAS MATÉRIAS, COMENTÁRIOS OU INFORMAÇÕES ENCAMINHADOS."

quinta-feira, 14 de janeiro de 2021

BOLETIM DIÁRIO DE NOTÍCIAS DO MOVIMENTO ESPÍRITA. 15-01-2021.

CLICAR AQUI:

http://www.noticiasespiritas.com.br/2021/JANEIRO/15-01-2021.htm

[Camille Flammarion] / Dagron Dagron, Prudent René-Patrice (1819-1900). Photographe

Imagem copiada de: https://gallica.bnf.fr/ark:/12148/btv1b8452934z.item

Livro “Deus na natureza” de Camille Flammarion.

Dieu dans la nature / par Camille Flammarion Flammarion, Camille (1842-1925). Auteur du texte

ACESSE AQUI:

https://gallica.bnf.fr/ark:/12148/bpt6k24625b.texteImage

Força e Matéria. Louis Buchner

Acesse:

https://gallica.bnf.fr/ark:/12148/bpt6k77026s.texteImage  

 Friedrich Karl Christian Ludwig Büchner (1824–1899), filósofo alemão, fisiologista e médico.

Imagem/fonte: https://pt.wikipedia.org/wiki/Ludwig_B%C3%BCchner

Sonambulismo

Em 1846, Tirell Bickford foi acusado de matar a prostituta Mary Ann durante um episódio de sonambulismo, mas inocentado pelo critério de insanidade temporária.[10

Fonte: https://pt.wikipedia.org/wiki/Sonambulismo 

 

Sonambulismo

 

noctambulismo ou hipnofrenose (sonambulismo para o sono não-REM, ou distúrbio comportamental do sono REM para o sono REM)[1][2] é um transtorno comportamental do sono (parassonia), durante o qual a pessoa pode desenvolver habilidades motoras simples ou complexas. O sonâmbulo sai da cama e pode andar, urinar, comer, realizar tarefas comuns e mesmo sair de casa, enquanto permanece inconsciente. É difícil de acordar um sonâmbulo, mas, contrariamente à crença popular, não é perigoso fazê-lo, sendo inclusive perigoso não acordá-lo.[3] Contudo, esse despertar deve ser feito com cautela, já que alguns sonâmbulos podem ficar confusos e até mesmo ser violentos.[4]

 

Leia mais:

https://pt.wikipedia.org/wiki/Sonambulismo

Menina sonâmbula com uma venda nos olhos em estado sonambúlico.

Fonte: https://pt.wikipedia.org/wiki/Sonambulismo_magn%C3%A9tico

 

Parábola dos trabalhadores da vinha. Pintura em painel. Autor  Patrick Paearz de Wet 

Imagem/fonte: https://en.wikipedia.org/wiki/Parable_of_the_Workers_in_the_Vineyard

O Bom Pastor. Óleo sobre tela de Henry Ossawa Tanner

Imagem/fonte:

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Henry_Ossawa_Tanner_-_The_Good_Shepherd_-_Google_Art_Project.jpg

O Semeador. Óleo sobre tela de Vincent van Gogh

Imagem/fonte: https://pt.wikipedia.org/wiki/Vincent_van_Gogh

O Bom Samaritano. Óleo sobre tela por Eugène Delacroix.

Imagem/fonte: https://commons.wikimedia.org/wiki/File:The_Good_Samaritan_(Delacroix_1849).jpg

 

A conversão de São Paulo. Óleo sobre tela de Bartolomé Esteban Murillo.

Imagem/fonte: https://pt.wikipedia.org/wiki/Ficheiro:La_conversi%C3%B3n_de_san_Pablo_(Murillo).jpg

São Paulo. Guache sobre grafite em papel tecido cinza. Obra de James Tissot.

Fonte:

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Brooklyn_Museum_-_Saint_Paul_-_James_Tissot_-_overall.jpg


Pregação de São Paulo em Éfeso. Óleo sobre tela por Eustache Le Sueur.

Imagem/fonte:

https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/a/a3/Eustache_Le_Sueur_-_The_Preaching_of_St_Paul_at_Ephesus_-_WGA12613.jpg


São Paulo naufragou em Malta. Óleo sobre tela de Laurent de La Hyre. Imagem/fonte: https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Laurent_de_La_Hyre%27s_Saint_Paul_Shipwrecked_on_Malta.jpg
São Paulo pregando em Campagna. Óleo sobre tela de Giovanni Paolo Pannini. Imagem/Fonte: https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Giovanni_Paolo_Pannini_-_Saint_Paul_Preaching_in_Campagna_-_O_3763_-_Slovak_National_Gallery.jpg

quarta-feira, 13 de janeiro de 2021

BOLETIM DIÁRIO DE NOTÍCIAS DO MOVIMENTO ESPÍRITA. 14-01-2021.

CLICAR AQUI:

http://www.noticiasespiritas.com.br/2021/JANEIRO/14-01-2021.htm 

Aventuras de Robinson Crusoé

Aventures de Robinson Crusoé / par Daniel De Foë ; traduction nouvelle ; Editions illustrée par J.-J. Grandville Defoe, Daniel (1661?-1731). Auteur du texte

Acesse aqui:

https://gallica.bnf.fr/ark:/12148/bpt6k65671707.texteImage

Aventuras de Robinson Crusoé / Daniel de Foë; ilustrado por Gavarni Defoe, Daniel (1661? -1731). Autor do texto

Leia aqui:

https://gallica.bnf.fr/ark:/12148/bpt6k6487978m

Pensamentos sérios e importantes de Robinson Crusoe : feitos durante as aventuras surpreendentes de sua vida

Acesse:

https://books.google.com.br/books?id=BMqpr2lj57AC&printsec=frontcover&hl=pt-BR&source=gbs_ge_summary_r&cad=0#v=onepage&q&f=false

 

Robinson Crusoe. 1ª edição 1719.

https://pt.wikipedia.org/wiki/Robinson_Crusoe 

 

Robinson Crusoe é um romance escrito por Daniel Defoe e publicado originalmente em 1719 no Reino UnidoEpistolar, confessional e didático em seu tom, a obra é a autobiografia fictícia do personagem-título, um náufrago que passou 28 anos em uma remota ilha tropical próxima a Trinidad, encontrando canibais, cativos e revoltosos antes de ser resgatado. O livro foi originalmente publicado na forma de folhetins em The Daily Post, sendo o primeiro romance-folhetim.[1]

Leia mais:

https://pt.wikipedia.org/wiki/Robinson_Crusoe

"Théatre Impérial de l'Opéra-Comique. Robinson Crusoé par MMrs Hector Crémieux et Cormon , opéra-comique en 3 actes. Musique de Jacques Offenbach " Um pôster para a estreia de Robinson Crusoé de Offenbach . Litografia colorida, 70 x 56 cm, impressa por Imp. Thierry frères Cité Bergère 1 (Paris). BNF Gallica.

Copiado de:

 https://commons.wikimedia.org/wiki/File:H._Colin_-_Poster_for_the_premi%C3%A8re_of_Jacques_Offenbach%27s_Robinson_Cruso%C3%A9.jpg

Retrato de Emanuel Swedenborg. Atribuído a Per Krafft, o Velho.

Fonte: https://pt.wikipedia.org/wiki/Emanuel_Swedenborg

 

Emanuel Swedenborg (Estocolmo29 de janeiro de 1688[1] — Londres29 de março de 1772[1]) foi um polímata e espiritualista sueco, com destacada atividade como cientistainventormístico e filósofo.[2]
Desenhou uma "máquina de voar", fundou a primeira 
revista científica da Suécia, publicou obras em campos tão diversos como a geologia, a biologia, a astronomia e a psicologia, e deu origem a uma nova religião, o swedenborgianismo.[3][4][5]

 

Leia mais:

https://pt.wikipedia.org/wiki/Emanuel_Swedenborg

Charles Fourier. Estampa Couturier, Philibert Léon (1823-1901). Lithographe

Imagem/fonte: https://gallica.bnf.fr/ark:/12148/btv1b530064983.item

 

 

François Marie Charles Fourier (Besançon7 de Abril de 1772 – Paris10 de Outubro de 1837) foi um socialista francês da primeira parte do século XIX, um dos pais do cooperativismo. Foi também um crítico ferino do economicismo e do capitalismo de sua época, e adversário da industrialização, da civilização urbana, do liberalismo e da família baseada no matrimônio e na monogamia.

O caráter jovial com que Fourier realizou algumas de suas críticas fez dele um dos grandes satíricos de todos os tempos. Propôs a criação de unidades de produção e consumo - as falanges ou falanstérios - baseadas em uma forma de cooperativismo integral e auto-suficiente, assim como na livre perseguição do que chamava paixões individuais e seu desenvolvimento, o que constituiria um estado que chamava harmonia. Neste sentido antecipa a linhagem do socialismo libertário dentro do movimento socialista, mas também em linhas críticas da moral burguesa e cristã, restritiva do desejo e do prazer - neste sentido, sendo também em um dos precursores da psicanálise.[1] Em 1808 Fourier já argumentava abertamente em favor da igualdade de gênero entre homens e mulheres, apesar da palavra feminismo só ter surgido em 1837.[2]

Entusiastas de suas ideias estabeleceram comunidades intencionais nas três Américas. O Falanstério do Saí em Santa Catarina e a Colônia Cecília no Paraná foram experiências práticas inspiradas por Fourier no Brasil, assim como La Réunion no Texas e a Falange Norte-americana em Nova Jersey, nos Estados Unidos.

Leia mais: https://pt.wikipedia.org/wiki/Charles_Fourier


Francisco Cândido Xavier psicografando no Centro Espírita Luiz Gonzaga, em  Pedro Leopoldo, MG

Imagem/fonte: http://professorricardovieira.blogspot.com.br/2014/04/biografia-de-chico-xavier.html

 

Chico Xavier chegando ao Grupo Espírita da Prece em Uberaba, MG. Foto Ismael Gobbo

O ainda jovem médium espírita Francisco Cândido Xavier lendo mensagem recebida

no Centro Espírita Luiz Gonzaga em Pedro Leopoldo, MG. Foto publicada em “O Globo”

Reunião de atendimento ao público na bela e receptiva  APES- Associação Parisiense de Estudos Espíritas

Paris, França. Foto Ismael Gobbo

Expositor da  APES- Associação Parisiense de Estudos Espíritas. Paris, França.

Foto: Lucas Gobbo

 

Painel com exposição de Mensagens e desenhos recebidos pelos médiuns durante

as sessões da APES- Associação Parisiense de Estudos Espíritas. Paris, França. Foto Ismael Gobbo

 


SITE DA APES

ASSOCIAÇÃO PARISIENSE DE ESTUDOS ESPÍRITAS

ACESSE:

http://www.apes-asso.fr/   

 

A trajetória do Rio Sena desde a região de Bercy, no alto, até a Ponte das Almas, abaixo, á esquerda.

Paris, França. Foto: Ismael Gobbo.

Moisés e Elias aparecem  na Transfiguração de Jesus. Pintura por Carl Heinrich Bloch.

Imagem/fonte: https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/1/15/Transfigurationbloch.jpg

 

 

 

Seis dias depois, tomou Jesus consigo a Pedro, e a Tiago, e a João, seu irmão, e os conduziu em particular a um alto monte, E transfigurou-se diante deles; e o seu rosto resplandeceu como o sol, e as suas vestes se tornaram brancas como a luz. E eis que lhes apareceram Moisés e Elias, falando com ele.
Mateus 17:1-3

https://www.bibliaonline.com.br/acf/mt/17

 

O dito fenômeno da Transfiguração de Jesus  atesta  a sobrevivência da

Alma com Moisés e Elias aparecendo aos apóstolos que acompanhavam

Jesus no Monte Tabor através de vidência ou materialização.

Deposição de Cristo. Óleo sobre tela de Paolo Veronese. Foto/autor: Quinok

Imagem/fonte: https://en.wikipedia.org/wiki/Paolo_Veronese

Cristo aparece a Maria Madalena. Óleo sobre tela de Pietro da Cortona.

Imagem/fonte: https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Pietro_da_Cortona_-_Cristo_appare_a_Maria_Maddalena.jpg

A viúva do pintor. Óleo sobre tela de Catherine Bisschop

Imagem/fonte:

 https://pt.wiktionary.org/wiki/Ficheiro:The_Widow_of_a_Painter_by_Kate_Bisschop-Swift_Rijksmuseum_Amsterdam_SK-A-1802.jpg

Raymond Moody. Imagem/autor: Ehabich
Fonte: https://pt.wikipedia.org/wiki/Raymond_Moody

 

Raymond Moody (Porterdale30 de Junho de 1944) é um psiquiatrapsicólogoparapsicólogo e filósofo natural de PorterdaleGeórgiaEstados Unidos. É amplamente conhecido como autor de livros sobre vida depois da morte e experiências de quase-morte, um termo criado pelo próprio em 1975.[1] O seu título mais vendido é Vida Depois da Vida.

Leia mais:

https://pt.wikipedia.org/wiki/Raymond_Moody

terça-feira, 12 de janeiro de 2021

BOLETIM DIÁRIO DE NOTÍCIAS DO MOVIMENTO ESPÍRITA. 13-01-2021.

CLICAR AQUI:

http://www.noticiasespiritas.com.br/2021/JANEIRO/13-01-2021.htm

Moisés e Arão com os Dez Mandamentos. Pintura de cerca de 1675 por Aron de Chavez.

Imagem copiada de: https://en.wikipedia.org/wiki/Ten_Commandments

Quadro: O apedrejamento de Santo Estêvão. Têmpera sobre tela de Vittore Carpaccio 

Imagem/fonte: https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Vittore_Carpaccio_084.jpg

 

 

O Apedrejamento de Estêvão

E, ouvindo eles isto, enfureciam-se em seus corações, e rangiam os dentes contra ele.
Mas ele, estando cheio do Espírito Santo, fixando os olhos no céu, viu a glória de Deus, e Jesus, que estava à direita de Deus;
E disse: Eis que vejo os céus abertos, e o Filho do homem, que está em pé à mão direita de Deus.
Mas eles gritaram com grande voz, taparam os seus ouvidos, e arremeteram unânimes contra ele.
E, expulsando-o da cidade, o apedrejavam. E as testemunhas depuseram as suas capas aos pés de um jovem chamado Saulo.
E apedrejaram a Estêvão que em invocação dizia: Senhor Jesus, recebe o meu espírito.
E, pondo-se de joelhos, clamou com grande voz: Senhor, não lhes imputes este pecado. E, tendo dito isto, adormeceu.
Atos 7:54-60

 

também Saulo consentiu na morte dele. E fez-se naquele dia uma grande perseguição contra a igreja que estava em Jerusalém; e todos foram dispersos pelas terras da Judéia e de Samaria, exceto os apóstolos.
Atos 8:1

 

 

A conversão de São Paulo. Óleo sobre tela de Parmigianino. 1527.

Copiado de: https://en.wikipedia.org/wiki/The_Conversion_of_St_Paul_(Parmigianino)

 

Conversão do apóstolo Paulo

conversão do apóstolo Paulo, chamada também de conversão de são Paulo, é, de acordo com o Novo Testamento, um acontecimento na vida de Paulo de Tarso que o levou a deixar de perseguir os primeiros cristãos e tornar-se um seguidor de Jesus. É normalmente datado pelos pesquisadores para 33-36 d.C..[1][2][3] 

Leia mais:

https://pt.wikipedia.org/wiki/Convers%C3%A3o_do_ap%C3%B3stolo_Paulo

Jesus curando uma mulher enferma no sábado. Aquarela de James Tissot

Imagem/fonte: https://commons.wikimedia.org/wiki/File:HealWomanSabbath.jpg

 

 

 

De acordo com o Evangelho, Jesus estava ensinando em uma das sinagogas no sábado e havia uma mulher aleijada por um espírito por dezoito anos. Ela estava curvada e não conseguia se endireitar. Quando Jesus a viu, ele a chamou para frente e disse a ela:

"Mulher, você está livre de sua enfermidade."

Então ele colocou as mãos sobre ela e imediatamente ela se endireitou e louvou a Deus.

Leia mais:

https://en.wikipedia.org/wiki/Jesus_healing_an_infirm_woman

 

Os fariseus e os saduceus vêm para tentar Jesus por James Tissot ( Brooklyn Museum )

Imagem/fonte:

https://en.wikipedia.org/wiki/Sadducees#/media/File:Brooklyn_Museum_-_The_Pharisees_and_the_Saduccees_Come_to_Tempt_Jesus_(Les_pharisiens_et_les_saduc%C3%A9ens_viennent_pour_tenter_J%C3%A9sus)_-_James_Tissot_-_overall.jpg

 

 

Os saduceus (em hebraico: צְדוּקִים Ṣĕdûqîm bnê Sadôq, "zadoquitas" ou "sadoquitas"; em gregoSaddoukaios) eram uma seita ou um grupo de judeus presente na Judeia durante o período do Segundo Templo, desde o século II a.C. até a destruição do Templo em 70 d.C. A seita foi identificada por Flávio Josefo com o alto escalão social e econômico da sociedade na Judeia.[1] O grupo cumpria variadas funções políticas, sociais e religiosas, dentre as quais se pode mencionar a função de manutenção do Templo. Os saduceus são frequentemente comparados com outras seitas do período, como os fariseus e os essênios.

Acredita-se que a extinção do grupo ocorreu algum tempo depois da destruição do Templo de Herodes, em Jerusalém, no ano de 70 d.C., sendo que os caraítas possivelmente tiveram algumas raízes nas visões dos saduceus.

Leia mais:

https://pt.wikipedia.org/wiki/Saduceus

 

 

Fariseu (do hebraico פרושים) é o nome dado a um grupo de judeus devotos ao Torá (5 primeiros livros da bíblia), surgidos no século II a.C.. Opositores dos saduceus, criam numa Lei Oral, em conjunto com a Lei escrita, e foram os criadores da instituição da sinagoga. Com a destruição de Jerusalém em 70 d.C. e a queda do poder dos saduceus, cresceu sua influência dentro da comunidade judaica e se tornaram os precursores do judaísmo rabínico. A palavra Fariseu tem o significado de "separados", " a verdadeira comunidade de Israel", "santos".

Sua oposição ferrenha ao Cristianismo rendeu-lhes através dos tempos uma figura de fanáticos e hipócritas que apenas manipulam as leis para seu interesse. Esse comportamento e modo de viver, deu origem ao termo "fariseu".

Leia mais:

https://pt.wikipedia.org/wiki/Fariseus

 

 

LEIA EM “O EVANGELHO SEGUNDO O ESPIRITISMO” DE ALLAN KARDEC

INTRODUÇÃO

III- NOTICIAS HISTÓRICAS

ESCRIBAS, ESSÊNIOS OU ESSEUS, FARISEUS, NAZARENOS, PORTAGEIROS, PUBLICANOS, SADUCEUS, SAMARITANOS, SINAGOGA, TERAPEUTAS.


A conversão da Maria Madalena. Óleo sobre tela de Paolo Veronese.

Imagem/fonte: https://pt.wikipedia.org/wiki/A_Convers%C3%A3o_de_Maria_Madalena

 

Zaqueu no Sicômoro aguardando a passagem de Jesus. Aquarela de James Tissot

Imagem/fonte:

 https://pt.wikipedia.org/wiki/Ficheiro:Brooklyn_Museum_-_Zacchaeus_in_the_Sycamore_Awaiting_the_Passage_of_Jesus_(Zach%C3%A9e_sur_le_sycomore_attendant_le_passage_de_J%C3%A9sus)_-_James_Tissot.jpg

 

 

Zaqueu (em gregoΖακχαῖος - "Zakchaios"; em hebraicoזכי, - "puro", "justo"[1]), era o responsável pela coleta de impostos em Jericó segundo Lucas 19:1-10. Os coletores de impostos eram odiados pelos seus compatriotas judeus, que os viam como traidores trabalhando para o Império Romano.

Por conta da lucrativa produção e exportação do bálsamo estar centralizada em Jericó, a posição de Zaqueu era muito cobiçada pelas riquezas que prometia[2][3]. No relato, ele chegou antes da multidão que estava ali para se encontrar com Jesus, que passava por Jericó a caminho de Jerusalém. Descrito como um homem de baixa estatura, Zaqueu então subiu numa figueira para que pudesse ver Jesus. Quando Ele chegou ao lugar, olhou para os ramos e chamou Zaqueu pelo nome, pedindo-lhe que descesse, pois pretendia visitar a sua casa. A multidão ficou chocada, pois Jesus, um judeu, estava disposto a ser o hóspede de um publicano.

Leia mais:

https://pt.wikipedia.org/wiki/Zaqueu

Jantar na casa de Simão, o fariseu. Óleo sobre tela por  Moretto da Brescia.

Imagem/fonte: https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Cena_in_casa_di_Simone_in_fariseo_(Moretto).jpg

 

Capa da 1ª. edição de O Livro dos Espíritos de Allan Kardec, lançados aos 18 de abril de 1857.

Copiada de https://kardec.blog.br/18-de-abril-de-1857/

 

Dr. Anastasio García López (1824- 1897). Grande vulto do Espiritismo na Espanha

Leia aqui:

http://autoresespiritasclassicos.com/autores%20espiritas%20classicos%20%20diversos/Anastasio%20Garcia%20Lopez/Anastasio%20Garc%C3%ADa%20L%C3%B3pez.HTM

 

Imagem/fonte: http://www.elangeldelbien.com/2008/09/biografa-de-fernndez-colavida-justo.html

José Maria Fernandez Colavida, grande divulgador do Espiritismo na Espanha.

Amalia Domingo Soler,  vulto de escol  do Espiritismo na Espanha.

Imagem/fonte: https://es.wikipedia.org/wiki/Amalia_Domingo_Soler#/media/File:Amalia_Domingo_Soler.jpg

 


Cosme Mariño, desbravador do Espiritismo na Argentina.

Imagem/fonte:

http://www.autoresespiritasclassicos.com/Autores%20Espiritas%20Classicos%20%20Diversos/Cosme%20Marino/Cosme%20Marino.htm

 

Selo comemorativo do Centenário da Imprensa Espírita no Brasil

homenageou Luis Olimpio Teles de Menezes. Imagens Internet

Prédio histórico da Federação Espírita Brasileira na cidade do Rio de Janeiro

Imagem: Jornal Unificação, USE/SP, setembro/1960, pag. 5

 

Órfão no túmulo da mãe. Pintura de Uroš Predić. Sérvia.

Copiado de:  https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Uro%C5%A1_Predi%C4%87_-_Siro%C4%8De.jpg

Milionário sem filhos e uma pobre mulher abençoada com filhos. Obra de Niko Pirosmanashvili 

Imagem/fonte:

https://pt.wikipedia.org/wiki/Ficheiro:Childless_Millionaire_and_a_Poor_Woman_Blessed_with_CHildren.jpg



Quadro intitulado: São João, Santa Isabel e São Zacarias

Óleo sobre tela de José Rodrigues Nunes

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Jos%C3%A9_Rodrigues_Nunes_-_S%C3%A3o_Jo%C3%A3o,_Santa_Isabel_e_S%C3%A3o_Zacarias.jpg

 

 

 

Narrativa bíblica

De acordo com o texto do Evangelho, Zacarias e Isabel eram pessoas consideradas justas diante de Deus, "vivendo irrepreensivelmente em todos os mandamentos e preceitos do Senhor". Porém, não tinham filhos porque Isabel era estéril.

Tendo o casal já uma idade avançada, o anjo Gabriel apareceu a Zacarias quando este se encontrava no templo oferecendo incenso, tendo anunciado que Isabel iria ter um filho que se chamaria João.

Isabel então concebeu, tendo então se ocultado das vistas das pessoas pelo lapso de cinco meses.

No sexto mês de gestação de Isabel, sua prima Maria também recebeu uma promessa através do anjo Gabriel e concebeu do Espírito Santo e, quando esperava Jesus em seu ventre, foi visitá-la nas montanhas de Judá.

Leia mais:

https://pt.wikipedia.org/wiki/Isabel_(B%C3%ADblia)